header top bar

section content

Justiça condena ex-prefeito de Cajazeiras a oito anos de inelegibilidade; vice não sofreu penalidades

De acordo com a decisão do órgão, o ex-prefeito da cidade de Cajazeiras está impedido de disputar qualquer cargo eletivo no período de oito anos. Veja!

Por

10/02/2015 às 18h21

Ex-prefeito é condenado pelo TRE. Veja

O juiz da 42ª zona eleitoral, Francisco Hilton de Luna Filho julgou procedente nesta terça-feira (10), a Ação de investigação Judicial Eleitoral (AIJE), movida contra a coligação do ex-prefeito de Cajazeiras, Carlos Rafael (PMDB) e o vice, o advogado Adjamilton Pereira (PMDB).

De acordo com a decisão do órgão, o ex-prefeito está impedido de disputar qualquer cargo eletivo no período de oito anos.

A AIJE acusava o ex-gestor cajazeirense de abuso do poder político, lhe imputando uma sanção de inelegibilidade.

Na decisão, o advogado Adjamilton Pereira não sofreu penalidades jurídicas.

A ação foi movida pela coligação da prefeita Denise Albuquerque.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

BORRACHA

VÍDEO: Tradicional carnavalesco dá show de irreverência recordando histórias das folias de Cajazeiras

ALERTA!

VÍDEO: Xeque Mate recebe bombeiros militares em programa sobre acidentes dométicos e primeiros socorros

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Se reforma da Previdência não cortar privilégios, sociedade deve ‘gritar’ contra ela, diz padre

INFRAESTRUTURA

VÍDEO: Chuvas destroem ruas de Cajazeiras que não são pavimentadas e moradores cobram ação da Prefeitura