header top bar

section content

Veneziano pede audiência com governador Ricardo Coutinho para evitar colapso de água em Campina

Conforme Veneziano, o pedido será feito até amanhã (sexta-feira) e espera que a audiência aconteça na próxima semana.

Por

06/11/2014 às 17h05

Veneziano pede audiência com Ricardo

O deputado federal eleito Veneziano Vital do Rêgo (PMDB), anunciou nesta quinta-feira, 06, que vai pedir audiência ao Governador Ricardo Coutinho para discutir ações do Governo para evitar que Campina Grande passe por um colapso no seu abastecimento de água.

Conforme Veneziano, o pedido será feito até amanhã (sexta-feira) e espera que a audiência aconteça na próxima semana, diante da urgência do assunto.

“O que a gente lamenta, é que o Governo estadual do PSDB, na época da gestão Cássio Cunha Lima, tinha à disposição da administração, todo o material necessário para que fosse interligado o sistema da Barragem de Acauã com a Adutora do Açude Epitácio Pessoa (O Boqueirão), disse Veneziano.

Veneziano informou que os equipamentos foram comprados na gestão do Governo José Maranhão, logo após o término da barragem de Acauã, mas que ficaram jogados ao relento e nenhuma providência foi tomada pelo Governo do PSDB.

Na opinião do ex-prefeito campinense, Campina Grand não era pra estar passando por isso: “O dever de casa não foi feito, simplesmente porque é natural do PSDB não continuar programas e ações desenvolvidas pelo PMDB e do PT, exemplo do abandono dos canos da Barragem de Acauã e o fechamento dos restaurantes e cozinhas comunitárias campinenses, entre outros equipamentos”, finalizou Veneziano.

Da secom

Tags:

Recomendado para você pelo google

ALUNOS DÃO SHOW

VÍDEO: 3º dia da Mostra de Conhecimentos destaca a natureza, tecnologias, leitura, teatro e matemática

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: advogado sousense fala sobre a redução da maioridade penal. Você é contra ou a favor?

VÍDEO

Dra Paula fala sobre dificuldades na gestão do seu esposo em Cajazeiras e diz ser contra demissões

GOVERNO NO FOCO

VÍDEO: Professor comenta os impactos do fim do DPVAT, golpe na Bolívia e invasão à embaixada venezuelana