header top bar

section content

Eleições 2014 em Sousa: Jovem é detido pela Polícia Federal após selfie na urna eletrônica

Ele foi autuado por violação do segredo do voto, pois estava fazendo uma “selfie” durante a votação.

Por

27/10/2014 às 09h02

Jovem foi flagrado fazendo uma selfie na urna (Foto: ilustrativa/internet)

O segundo turno das eleições realizado no último domingo (26) foi marcado por três ocorrências no município de Sousa.

Duas pessoas foram detidas pela Polícia Federal pelo crime de “boca de urna”. Os suspeitos foram levados até a delegacia e assinaram um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e depois foram liberados.

Um jovem também foi flagrado pelos mesários com um celular na cabine de votação na UFCG, campus localizado no centro de Sousa. De acordo com a Polícia Federal ele foi autuado por violação do segredo do voto, pois estava fazendo uma “selfie” durante a votação. O eleitor assinou um TCO e depois foi liberado.

A Polícia Federal não divulgou os nomes dos envolvidos nas ocorrências.

Crime
De acordo com o Artigo 91 da Lei 9.504, é proibido “portar aparelho de telefonia celular, máquinas fotográficas e filmadoras, dentro da cabina de votação”, fazendo com que o eleitor seja obrigado a deixar o dispositivo com o mesário na hora de votar.

O registro também pode ser considerado "boca de urna", punível "com detenção, de seis meses a um ano, com a alternativa de prestação de serviços à comunidade pelo mesmo período" e multa no valor de R$ 5 mil a R$ 15 mil, de acordo com o Artigo 39 da mesma lei.

Além disso, a pena para quem viola ou tenta violar o sigilo do voto, de acordo com o artigo 312 da Lei nº 4.737 do Código Eleitoral, é de até dois anos de prisão.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

MODELOS DE SUCESSO

VÍDEO: Empresários do Pará interessados em implantar TV online visitam Netline e TV Diário do Sertão

DUAS CONDENAÇÕES

VÍDEO: Comentarista afirma que Lula vai morrer em breve porque “não aguenta mais tanta humilhação”

DIRETO AO PONTO

VÍDEO: Novas nomeações em Cajazeiras são resultado das ‘pazes’ entre Jeová e Júnior, diz comentarista

PISO SALARIAL NACIONAL

VÍDEO: Em reunião acalorada, agentes de saúde cobram da Prefeitura de Cajazeiras as progressões do PCCR