header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Com açude morrendo, população sousense clama por adutora e radialista dispara: “Samba do Criolo Doido”

De acordo com ele, falta água em Sousa, o açude de São Gonçalo está morrendo e o Governo do Estado não consegue entregar a referida adutora.

Por

26/08/2015 às 16h37

O radialista da cidade de Sousa, Jucélio Almeida falou nesta quarta-feira (26) em seu comentário para a TV Diário do Sertão que a obra da adutora do Pintado prometida para o município está se arrastando há meses.

De acordo com Jucélio, falta água em Sousa, o açude de São Gonçalo está morrendo e o Governo do Estado tenta entregar a referida adutora, mas, não consegue. “Há uma espécie de mistério político nessa obra”, disse.

Jucélio disse que os prazos dados pelo Governador Ricardo Coutinho (PSB) para entrega da adutora nunca foram cumpridos, entretanto, a obra está custando para o Governo cerca de 20 milhões de reais.

De acordo com Jucélio, a Aesa informou que não há prazo para entrega da obra e talvez seja em outubro. “Está um verdadeiro samba do Criolo Doido”, disse Jucélio.
 
DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Diversidade em Foco com professor de Português destaca as variações da nossa língua

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local