header top bar

section content

Casos de doença rara que matou escrivã em CZ repercutem na PB e assustam população

Além do alto custo do tratamento, o fator que mais tem assustado a população é a possibilidade da doença ter relação com o vírus da Dengue.

Por

12/07/2015 às 12h08

A escrivã de CZ, Luciene Galdino faleceu vítima da doença em maio deste ano

A imprensa em todo o estado da Paraíba tem repercutido os casos de três vítimas da síndrome Guillan-Barré na cidade de Cajazeiras. A doença de diagnóstico difícil e considerada rara pela medicina, matou no mês de maio a escrivã Luciene Galdino e vitimou a jovem Brenda Gomes e Marcelo Holanda que, estão se recuperando.

* Surge 3º caso em Cajazeiras da doença rara que matou escrivã; Injeções custaram R$ 234 mil

* Cajazeirense é acometida da doença rara que matou escrivã; Vírus da Dengue pode ser um dos causadores

* Veja vídeo do sepultamento da escrivã de Polícia Civil de Cajazeiras

O fator que mais tem assustado a população é a possibilidade da doença ter relação com o vírus da Dengue.  Já que em 2010, uma pesquisa realizada pela UFRJ, constatou que o vírus da Dengue pode ser um dos causadores (visto que 1,4% das pessoas com dengue desenvolveram a síndrome).

Outra preocupação é o alto custo do tratamento. Para escapar da síndrome Guillian Barré, o cajazeirense Marcelo Holanda teve que tomar 39 injeções para combater a rara doença e cada uma delas custa R$ 6 mil.

A Síndrome de Guillain-Barré é uma doença rara na qual os nervos periféricos se deterioram. Estes nervos enviam mensagens do cérebro para os músculos, instruindo-os a se moverem e também levam sensações como: dor, prazer, gosto, etc., para o cérebro. 

O dano de um nervo causa freqüentemente fraqueza muscular (muitas vezes chegando a causar paralisia total), e pode causar anormalidades de sensação, inclusive dor, formigamento, sensação de “comichão na pele”, ou até desequilíbrio. 

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

Recomendado para você pelo google

PARAOLÍMPICOS

VÍDEO: Curso em Cajazeiras ajuda professores de Educação Física a trabalharem com alunos com deficiência

EMPRESA INVESTIGADA

VÍDEO: Após inquérito do MPPB, prefeito José Aldemir responde se ainda vai ter concurso em Cajazeiras

20ª EDIÇÃO DO EVENTO

VÍDEO: Com Felipão, Eduarda Brasil e muito mais, Cavalgada e Festa de Marimbas leva multidão a Cachoeira

DA CÂMARA AO INSS

VÍDEO: Grupo prepara manifestação pública nesta sexta, em Cajazeiras, contra a reforma da Previdência