header top bar

section content

Engenheiro diz que racionamento de água em Cajazeiras começou tarde, alerta que estiagem vai aumentar e prevê mais seca em 2016. Veja

Caso 2016 seja de seca, o engenheiro acredita que somente a água da transposição do São Francisco poderá salvar o nordestino

Por

05/06/2015 às 17h05

O engenheiro agrônomo, Adalberto Nogueira em entrevista a TV Diário do Sertão nesta sexta-feira (05) disse que, o racionamento de água executado pela Cagepa em Cajazeiras foi iniciado muito tarde e deve ser acentuado.

Segundo ele, as 25 horas por semana sem água em Cajazeiras não será suficiente para racionar água. “Fechamos as torneiras muito tarde. Outras medidas terão que vir com mais dureza”, disse.

Veja também: 

?População e vereadores se revoltam com desperdício d’água em Cajazeiras. Veja!

?Cagepa começa racionamento em Cajazeiras e Sousa; cidades ficarão 25 horas sem água

Adalberto disse ainda que, o problema da estiagem este ano ainda deve piorar. De acordo com o engenheiro, o período mais crítico ainda está por vir. “A partir de agosto aumentarão os picos de evaporação”, comentou.

Ainda com relação a estiagem, Adalberto disse que há possibilidade de haver mais um período de seca em 2016. “As melhoras só devem só começar em 2017”, alertou.

Caso o ano de 2016 também seja de seca, o engenheiro acredita que o problema da falta de água vai se agravar e somente a água da transposição do Rio São Francisco poderá salvar o nordestino.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
PROBLEMA GRAVE

VÍDEO: No Xeque-Mate, voluntários debatem sobre maus tratos e abandono de animais em Cajazeiras

SANTO PADROEIRO

VÍDEO: Padre anuncia programação da festa de Dom Bosco em Cajazeiras; festival de música é confirmado

FÓRUM AÇUDE GRANDE

VÍDEO: Grupo entrega documento no MP para fortalecer campanha de revitalização do açude de Cajazeiras

"FICOU DESPREZADA"

VÍDEO: Mulher acusa HRC de negligência no caso da morte de sua irmã após parto; hospital responde