header top bar

Reudesman Lopes

section content

Tiko: “Graças a Deus acabou”

13/04/2017 às 10h27 • atualizado em 13/04/2017 às 10h28

Peguei aqui neste título acima, uma carona em matéria veiculada pelo globoesporte.com/PB e, ao fazer a leitura desta, fiz algumas perguntas e reflexões sobre o que leva um homem que com muitos afazeres na sua vida empresarial, ainda tem tempo para se dedicar ao futebol.

Cheguei à conclusão que as declarações levadas ao conhecimento de leitores espalhados pelo mundo inteiro, do presidente Tiko Miudezas, tem um tom de profunda decepção que se mistura ao “alívio” de finalização de uma árdua e cruel batalha perdida. Falo sempre aos mais contundentes críticos que fazer futebol não é fácil, principalmente aqui, na nossa Paraíba onde tudo se concentra no eixo Campina Grande e João Pessoa onde está sediada a Federação Paraibana de Futebol.

A desculpa da distância entre sertão e litoral é sempre um obstáculo um entrave em que se coloca entre tantas barreiras contra os sertanejos. Falar nisso, pergunto:”Quantas vezes o presidente da Federação Paraibana de Futebol esteve aqui em Cajazeiras no nosso sertão?” Acho que uma vez apenas. Mas, voltando ao tema em foco, observo que Tiko começa a sentir “cansado” quando, novamente, fala em deixar a presidência do Paraíba Esporte Clube.

O acumulo de resultados nada condizentes com os altos investimentos financeiros que se faz, sem nenhum retorno, com um campeonato que se paga para jogar e que não observamos uma luz que se ascenda quanto a encontrar um patrocinador que, pelo menos pudesse amenizar as infinitas despesas de uma competição desta dimensão, também foi citada pelo presidente com uma das causas de possibilidade da sua saída do tricolor, também, fez citação quanto a disparidade que existe por parte da arbitragem nos critérios de interpretação quanto aos times considerados pequenos, ele afirma que os árbitros erram demais contra estes clubes. Finalmente fala sobre o rebaixamento do Paraíba Esporte Clube e credita isso a falta de planejamento na formação do grupo de jogadores e quando tentou fazer uma correção de rumo, já foi muito tardia e sem tempo para uma possível recuperação na tabela de classificação.

Fecha a entrevista falando que não mais existe o seu interesse em continuar presidindo o clube, disse que falou em fechar, mas entende que haverá outras pessoas que deverão se interessar a dar continuidade a Cobra Coral do Sertão. Por fim, confirmou uma reunião com o patrocinador oficial onde tudo será esclarecido quanto à continuidade do tricolor. O futebol é isso mesmo, alegrias, glórias, mas, as decepções são muito maiores, principalmente para clubes interioranos.

Galo tá lá

O Treze de Campina Grande venceu o Auto Esporte, 2 a 0, na penúltima rodada do paraibano e desta forma confirmou matematicamente a sua classificação para as semifinais desta competição. Foi a sua mais importante vitória neste campeonato. Agora ele espera para saber quem será o seu adversário que sairá dos seus rivais, Botafogo ou Campinense. Com 26 pontos o Galo enfrenta na última rodada o Botafogo em João Pessoa e pode ser ultrapassado pelo Atlético Cajazeirense de Desportos caso perca para o Belo e o Trovão derrote o Serrano.

Troco

A vitória de virada do Sousa sobre o Auto Esporte, 3 a 2, foi comemorada como titulo pelo Dino. Nesta alegria sobrou para o Atlético e todos falavam que o Sousa já havia tomado a vaga do Trovão na briga pelo G4. Pois bem, na rodada deste final de semana que passou, o Serrano tratou de acalmar o Dinossauro e desta feita foi ele quem tomou a virada. Serrano 3 a 2, ganhava de 1 a 0, o Sousa virou para 2 a 1, mas, no fim do jogo o Lobo da Serra virou para 3 a 2. Agora, o Sousa fará um “amistoso” contra o CSP no Marizão. Mas, para quem andou grande parte do campeonato brigando contra a segunda divisão é bom a torcida apoiar o time e comemorar contra o CSP essa vitória.

BOLA DENTRO
Para o Serrano de Campina Grande que tido como um possível rebaixado antes da bola rolar, quando ela entrou em campo mostrou a sua força. O Lobo da Serra depende de uma vitória contra o Atlético para a sua classificação. Merece destaque e a NOTA 10!

BOLA FORA
Para o Sousa Esporte Clube. Respeito é bom e eu gosto. Pois bem, após a virada contra o Auto, sobrou humilhação para o Atlético. Mas, o Serrano tratou de colocar ordem na casa e despachou o sonho do Dino. Para tamanho desrespeito a uma tradição vai a NOTA 0!

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Professor da UFCG de Educação Física, Comentarista Esportivo da Rádio Alto Piranhas e Colunista Esportivo do Jornal Gazeta do Alto Piranhas

Contato: reudesman@bol.com.br

EFEITO IMEDIATO

VÍDEO: Após protesto nas ruas, chefe da PM anuncia ações para combater o crime em São João do Rio do Peixe

AMIGO DE BRÁULIO BESSA

VÍDEO: Poeta que esteve no Encontro com Fátima Bernardes foi o convidado do Xeque-Mate da semana; VEJA!

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Pentecostal de Jerusalém

DIÁRIO ESPORTIVO

DIÁRIO ESPORTIVO: Tudo que rolou no Campeonato Brasileiro e os preparativos para o Paraibano

Reudesman Lopes

Reudesman Lopes

Professor da UFCG de Educação Física, Comentarista Esportivo da Rádio Alto Piranhas e Colunista Esportivo do Jornal Gazeta do Alto Piranhas

Contato: reudesman@bol.com.br