header top bar

section content

Francisco Cartaxo

Francisco Sales Cartaxo Rolim foi secretário de planejamento do governo de Ivan Bichara, secretário-adjunto da fazenda de Pernambuco – governo de Miguel Arraes. É escritor, filiado à UBE/PE e membro-fundador da Academia Cajazeirense de Artes e Letras – ACAL. Autor de, entre outros livros, Guerra ao fanatismo: a diocese de Cajazeiras no cerco ao padre Cícero.

Email: cartaxorolim@gmail.com

| 30/11/2020 08:26

Saudade de manga espada

Por Francisco Frassales Cartaxo Muitas flores deram lugar a mangas, que amadurecem entre folhas novas. Que prazer observá-las ao balanço do vento, ainda forte neste mês de novembro. Uma festa para os olhos no antegozo do saboreio. Água na boca. Desejo. Ânsia de apalpá-las maduras e carnudas, o sumo escorrer pelo canto da boca, na […]


| 23/11/2020 09:14

No dia em Sabino Rolim não pagou o taxi

Por Francisco Cartaxo Sabino Rolim Guimarães estudou medicina no Recife, diplomando-se em 1946. No ano seguinte, já estava em Cajazeiras, exercitando a profissão. Chegou com especialização em oftalmologia e otorrinolaringologia ou, como se dizia na época, médico de olhos, nariz, garganta e ouvido. Foi o primeiro cajazeirense a voltar para sua terra com especialização. Mas […]


| 17/11/2020 09:39

O antigo Hotel Oriente

O prefeito José Aldemir anunciou em debate na TV Diário do Sertão que irá instalar no antigo Hotel Oriente o “Espaço Cultural de Cajazeiras”. Dito às vésperas da eleição parece promessa de candidato à reeleição. Mas não é. Pelo que acompanho do esforço incansável do competente secretário municipal de Cultura e Turismo, Ubiratan de Assis, […]


| 09/11/2020 12:52

Oradores de comício

Por Francisco Frassales Cartaxo Comício político hoje em dia perdeu o sentido. E não é por causa da covid-19. Acabou a significação que, no passado, o comício tinha em si mesmo, como um elo que aproximava o eleitor do candidato. As pessoas se reuniam em praça pública para ouvir seus candidatos. Ouvir e ver. O […]


| 02/11/2020 19:06

Três Guimarães, um livro e os cachorros

Por Francisco Frassales Cartaxo Otacílio Guimarães Jurema e Sabino Rolim Guimarães eram primos. Netos do coronel Guimarães, nome de rua no centro de Cajazeiras. Dois médicos longevos, de gerações diferentes. O primeiro viveu quase 90 anos, o outro, mais de 81. Eram amigos, mas na política foram mais adversários do que aliados. Até se enfrentaram, […]


| 26/10/2020 07:25

A cueca na era Bolsonaro

Na era Bolsonaro a cueca mudou de status.  Meu pai usava ceroula, comprida, abaixo do joelho, quase no tornozelo. Costume antigo. Os que lutaram na Bahia pela independência do Brasil, depois do dia 7 de setembro de 1822, eram chamados pelos portugueses de ceroulas. Por quê? Não sei. Que expliquem os historiadores. Algum acadêmico que […]


| 19/10/2020 08:49

Campanhas eleitorais na pandemia

As eleições deste ano são diferentes. Por quê? Por duas razões. Primeira, existe a proibição de coligações partidárias para vereadores. Até agora, os partidos políticos podiam unir-se em uma só legenda. Este ano, não. Cada um concorre isoladamente. Assim, os partidos pequenos estão mais vulneráveis. Se a legenda não atingir determinado número de votos, perde […]


| 11/10/2020 09:39

A jovem de longas pernas

O confinamento excita a imaginação. Cria e expande fantasias. Ver de longe também. Nesta época do novo coronavirus, a varanda se transforma em convés de navio. Embora sem binóculo, busco afastar a monotonia da paisagem. Agora que passou a quadra de chuvas, aqui no Recife, gozo o privilégio de usar o terraço para o banho […]


| 05/10/2020 09:05

Saudade do meu avô

Ando com saudade de meu avô. Dos dois, para ser mais preciso. Às vezes, me surpreendo nos braços do major Higino, que faz gracinhas no neto magricelo. Sou um dos últimos da fila dos muitos rebentos dos dois filhos do casamento de vovô com a jovem viúva, Mãe Nanzinha, no sítio Prensa: Cristiano e Crisantina. […]


| 28/09/2020 08:51

Emancipação política de Cajazeiras

Cajazeiras, início de setembro. Ela entrou na sala ainda cantarolando música que ouvira no carro. Cheia de vibração, antes de começar a aula, a professora pergunta qual é a data da independência do Brasil? A sala em peso responde: – Sete de setembro! Seria resposta ensaiada? Não, não era. Feliz e emocionada, a professora até […]

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!