header top bar

section content

Muito doente, homem depende do pai para sobreviver; Idoso desabafa e pede ajuda

A doença evoluiu e agora ele vive prostrado na cama sem falar, sem andar e respira com dificuldade. Veja o apelo do pai!

Por Luzia de Sousa

09/03/2016 às 17h17 • atualizado em 10/03/2016 às 11h18

O aposentado Francisco de Assis procurou nesta quarta-feira (9), a redação do Portal Diário do Sertão em Cajazeiras para pedir ajuda para o filho, José Pedro Silva, de 52 anos, que está em situação crítica de saúde há cinco meses. Eles são moradores da Rua Sérgio Moreira de Figueiredo, 55, Zona Norte de Cajazeiras.

Pai faz apelo e pede ajuda para o filho

De acordo com informações do pai, José Pedro foi acometido de uma forte pneumonia e não se curou. A doença evoluiu e agora ele vive prostrado na cama sem falar, sem andar e respira com dificuldade. Mesmo se alimentando de líquidos pelo menos oito vezes por dia através de uma sonda, José Pedro apresenta um estado físico de desnutrição.

Na casa mora apenas ele e o pai, mas segundo aposentado seu benefício, que é de um salário mínimo não é o suficiente para custear o tratamento e a alimentação dos dois.

Francisco de Assis informou que após dois meses de internação no Hospital Regional de Cajazeiras seu filho teve alta médica sob alegação que seria mais bem tratado em casa, mas segundo o aposentado, a situação “está muito difícil”.

Residência do pai e filho que precisam de ajuda

Residência do pai e filho que precisam de ajuda

Segundo o aposentado, uma enfermeira do PSF estava indo a residência para ajudá-lo a fazer os curativos, pois devido José Pedro ficar muito tempo deitado começou a aparecer feridas no corpo, mas a profissional de saúde foi apenas uns dias e não mais retornou.

“Peço uma ajuda e qualquer ajuda será bem-vinda”, apelou o pai informando que a irmã do paciente também procurou a prefeitura de Cajazeiras, através das secretarias e não obteve nenhum auxílio.

Ele informou que só uma pomada custa R$ 70 e é muita usada devidos os vários ferimentos que apareceram no corpo do filho. O idoso pede doações de roupas, medicamentos e alimentos.

Informações no telefone: 9.9147-0201

O outro lado
A redação do Diário do Sertão entrou em contato com a assessoria do hospital, que ficou de informar sobre o caso, mas até o fechamento da matéria não se pronunciou.

DIÁRIO DO SERTÃO

RELIGIÃO

VÍDEO: Padre da região de Patos fala sobre promessa de cura e restauração em missas: “Quem cura é Jesus”

NO ACÚSTICO DIÁRIO

VÍDEO: Músico que foi atingido por um tiro em São José de Piranhas se emociona ao relatar o fato

NESTE FIM DE SEMANA

VÍDEO: Comerciante africano traz a Cajazeiras feira popular de São Paulo que vende pela metade do preço

DIRETO AO PONTO

Nutricionista sousense fala sobre a hipertensão e ensina receita de sal de ervas