header top bar

section content

CUIDADO! Polícia Civil alerta para novo golpe pelo WhatsApp; acusados clonam celulares. Confira aqui

De acordo com o delegado Lucas Sá, é preciso ter muita atenção para não ser mais uma vítima do golpe do celular clonado. Confira a reportagem completa!

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

13/07/2016 às 09h58 • atualizado em 13/07/2016 às 10h26

A Polícia Civil está fazendo um alerta para os internautas sobre um novo golpe que está sendo aplicado na maioria dos casos através do WhatsApp. Os acusados clonam celulares e se passam pelo dono do aparelho telefônico para conseguir dinheiro.

O servidor Público João Lopes, mora em João Pessoa e foi vítima recentemente do golpe. O criminoso estava se passando por um amigo de João através do WhatsApp. O suspeito disse que estava precisando urgente de dinheiro e pediu que a vítima fizesse uma transferência de R$ 1 mil, momentos depois, João fez a transferência.

“A pessoa que estava falando comigo tinha conhecimento de todo histórico da conversa no WhatsApp. Só duas horas depois, ele descobriu que o celular do amigo foi clonado”, disse.

De acordo com o delegado Lucas Sá, é preciso ter muita atenção para não ser mais uma vítima do golpe do celular clonado:

“Os golpistas contam com o suporte tecnológico, eles conseguem clonar aparelhos telefônicos e através disso se passam por amigos e parentes das vítimas. O que a vítima deve fazer é entrar em contato com a própria pessoa, ligando para familiares, para ter certeza realmente que não se trata de um golpe”, destacou o delegado.

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan