header top bar

section content

População protesta em Cajazeiras e pede justiça por morte cruel; “Ele fez churrasco do meu irmão”

O acusado, identificado por Henrique de Amâncio foi apresentado à polícia nessa segunda-feira (06) e foi liberado.

Por

09/04/2015 às 16h30

Uma multidão saiu às ruas de Cajazeiras nesta quinta-feira (09), em protesto contra a Justiça que deixou em liberdade o principal acusado de assassinar e queimar vivo, o jovem Roberto dos Santos Pereira, 32 anos, caso ocorrido nesse sábado (04).

O acusado, identificado por Henrique de Amâncio foi apresentado à polícia nessa segunda-feira (06) e foi liberado, segundo a autoridade, por falta de elementos que prove a autoria do crime.

Inconformada com a situação, a população saiu às ruas, adentrou o Fórum Ferreira Júnior e clamou justiça para o crime considerado um dos mais bárbaros já visto em Cajazeiras.

Veja mais: 

Delegado regional fala sobre caso do jovem queimado vivo em Cajazeiras e declara que vídeo não é prova para prender o acusado

►Exclusivo: Irmão do jovem queimado vivo em Cajazeiras chora, conta revolta da família e revela que mãe sonhou com morte do filho 

►Parentes e amigos prestam homenagem ao jovem assassinado e queimado em Cajazeiras. Fotos! 

 

Família
Puxado pelo único irmão da vítima, Ricardo dos Santos, o movimento ganhou corpo e percorreu as principais ruas da cidade com gritos de justiça.
Inconformado, Ricardo ecoou pelas ruas do município: “Foi um filho de Cajazeiras que foi feito de churrasco humano”.

Atitude
A diretora do Fórum, a juíza Adriana Lins convocou o irmão da vítima junto com a imprensa para explicar a que pé está o processo do acusado. “Estávamos trabalhando em caráter sigiloso, as agora acabou. Se ele quiser se apresentar ele se apresenta e se ele quiser fugir ele vai fugir”.

Adriana Lins disse que seu colega, o juiz Hilton, expediu o mandado de prisão de Henrique num prazo de três horas.

“O mandado está com o delegado desde uma hora da tarde dessa quarta-feira (08), se ele não foi encontrado até agora é que talvez ele já não estivesse com a intenção de se apresentar”. Contou o juiz Hilton

Assista a reportagem da TV Diário do Sertão

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo