header top bar

section content

Diretor, vice e mais sete agentes acusados de torturar presos são afastados de presídio

De acordo com o promotor de Justiça, 17 presidiários prestaram depoimento, relatando as agressões sofridas no presídio

Por

14/02/2014 às 18h30


                                A direção e mais sete agentes penitenciários foram afastados da Colônia Penal (Foto: DS)

O Juiz da 1ª Vara da Comarca de Sousa, José Normando Fernandes, determinou na última quinta-feira (13), o afastamento do diretor, vice e mais sete agentes penitenciários da Colônia Penal Agrícola do Sertão em Sousa, por suspeita de torturar os presos da casa prisional.

A denúncia foi formulada pelo Ministério Público, através do promotor de Justiça, Manoel Pereira de Alencar, que após apurar depoimentos de vários presidiários, apresentou a acusação contra os agentes e a direção do presídio. “Os agentes atiravam com balas de borracha nos presos, agrediam os apenados, entre outras irregularidades”, disse o promotor.

O magistrado acatou a denúncia e além de suspender o exercício das funções públicas dos acusados, também foram suspensos os portes de armas de fogo. Os suspeitos também são acusados de abuso de autoridade, torturas e maus tratos a animais. “Os detentos também afirmaram que os agentes penitenciários usavam cachorros e gatos como alvos das balas de borracha”, frisou o promotor.

Abaixo o nome dos acusados envolvidos na denúncia formulada pelo MP:

1- Tiago Moreira Alves, (diretor da Colônia Penal Agrícola do Sertão)
2- José Judivan Bento de Araújo, (Ex-vice-diretor) 
3- Anderson Lopes Medeiros, (agente penitenciário)
4– Edgar Tomaz da Silva, (agente penitenciário)
5- Luiz Antônio Batista de Sá, (agente penitenciário)
6- Dalton Brito de Almeida, (agente penitenciário)
7– Thiago Thalles Diógenes Fontes, (agente penitenciário)
8– Felipe Karol Fernandes da Silva, (agente penitenciário)
9- José Ferreira de Sousa Júnior, (agente penitenciário)

A direção e os agentes da Colônia Penal terão que esclarecer judicialmente as seguintes denúncias feitas pelos presidiários e mostradas no processo:

1 -Torturas;
2 -Alimentação precária;
3– Transferência indevida de presos;
4– Agressão de apenados com uso de arma de fogo e bala de borracha;
5– Exercício da pontaria, utilizando balas de borracha em gatos e cachorros;
6– Existência de quarto da tortura na entrada do presídio;
7– Atendimento médico e odontológico.

Ainda de acordo com o promotor de Justiça, 17 presidiários prestaram depoimento, relatando as agressões sofridas. “Foi agredido com tapas, tiros de bala de borracha, depois fui colocado na salda isolada, que era conhecida como o quarto da tortura, e lá foi atingido com mais um disparo efetuado pelo agente”, declarou um dos presidiários que teve o nome preservado.

O caso foi comunicado a Secretaria de Administração da Paraíba para que sejam tomadas as devidas providências necessárias. E os envolvidos na investigação responderão por escrito as acusações.


                                                       Colônia Penal Agrícola do Sertão em Sousa (Foto: Diário do Sertão)

A denúncia continua sendo investigada e mais 21 presos, um policial militar, e três agentes penitenciários serão ouvidos na delegacia de Polícia Civil, e outras pessoas poderão ser indiciadas no inquérito judicial. 

“É Preciso chamar a atenção das autoridades do sistema penitenciário, são vários casos semelhantes a esse em toda a Paraíba. É necessário verificar se está ocorrendo algum erro nessa formação de agentes, para que situações como essa não acontecam mais”, concluiu o promotor, Pereira Alencar.

O outro lado
Nossa reportagem manteve contato com a direção da Colônia Penal para falar sobre o assunto, e o diretor Tiago Moreira declarou que ainda hoje irá se pronunciar sobre as denúncias.

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!