header top bar

section content

Sertão: funcionário público apanha de uma mulher com o próprio cinto em uma boate

O agente foi denunciado pela mulher e foi preso.Ele queixa-se de constrangimento e diz que foi humilhado.

Por

26/11/2011 às 23h22

O agente cominitário de saúde, Cícero Darlem Araújo Caldas, de 50 anos, da cidade de Boa Ventura, passou um constragimento na noite dessa sexta-feira (25) em uma boate da cidade.

Cícero é de estatura baixa, possuindo um metro e trinta de altura. Ele estava curtindo a noitada, quando tentou aproximar-se de uma mulher, mas ela recusou-o.

Contrariado, Cícero tirou o cinto, mas não chegou a agredí-la, ao contrário, a mulher que tomou o cinturão e bateu no agente comunitário.

Depois de surrá-lo, a mulher entregou o cinto à Polícia Militar e denunciou Cícero, que terminou preso.

“Eu fui jogado dentro da mala do carro da polícia como se fosse um porco, fui humilhado e sofri constrangimento diante dos meus conterrâneos”, lamentou ele.

Cícero foi conduzido para a delegacia de Itaporanga.

Muito revoltado ele desafbafa, “fiquei preso aqui a noite toda, e só vim beber um copo d’água hoje pela manhã”.

DIÁRIO DO SERTAO
 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula