header top bar

section content

Boqueirão e Lagoa do Arroz abrem comportas

As comportas dos açudes Engenheiro Ávidos (Boqueirão de Piranhas) e Lagoa do Arroz, que perenizam os rios Do Peixe e Piranhas, já estão com suas comportas abertas, conforme informações colhidas junto ao DNOCS, para utilização da água na irrigação de diversas culturas que são praticadas nas margens dos rios, principalmente de frutas e verduras, além […]

Por

25/11/2008 às 00h57

As comportas dos açudes Engenheiro Ávidos (Boqueirão de Piranhas) e Lagoa do Arroz, que perenizam os rios Do Peixe e Piranhas, já estão com suas comportas abertas, conforme informações colhidas junto ao DNOCS, para utilização da água na irrigação de diversas culturas que são praticadas nas margens dos rios, principalmente de frutas e verduras, além do abastecimento de diversas famílias, perímetro irrigado de São Gonçalo e abastecimento da cidade de Sousa.

O açude Lagoa do Arroz, que sangrou esse ano e, portanto, alcançou a sua capacidade máxima, que é de 80 milhões de metros cúbicos, hoje está com 58 milhões e já existe uma preocupação de entidades que acompanham o gerenciamento dessas águas, tendo em vista que ainda existe previsões em relação ao próximo inverno.

Já o açude de Boqueirão de Piranhas terminou o período invernoso, um dos melhores dos últimos tempos, com 220 milhões de metros cúbicos de água e hoje está com 161 milhões. Segundo informações repassadas pelo DNOCS, em Sousa, a comporta está aberta com 45 centímetros, para repor o volume de água do açude de São Gonçalo, que está com 21 milhões 131 mil metros cúbicos. O objetivo é chegar a 25 milhões para irrigação das culturas de São Gonçalo e abastecimento de água de Sousa.

Do Gazeta do Alto Piranhas

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview