header top bar

section content

Mulher é presa por permitir que marido abusasse de filha de 6 anos em cidade do nordeste

Criança foi afastada da família; homem está foragido.

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

16/06/2016 às 08h03

Lavradora é suspeita de ser conivente com estupro da filha (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Uma lavradora de 30 anos foi presa nesta quarta-feira (15), acusada de conivência no estupro da filha de 6 anos, cometido pelo marido, no povoado de Areia Fina, no município de Laje, distante 217 quilômetros de Salvador. A informação foi divulgada pela Polícia Civil.

De acordo com a polícia, há cerca de um mês a criança se queixou de dores na região íntima à professora. Ao ser indagada, a criança revelou que havia sido abusada mais de uma vez pelo padrasto, um lavrador de prenome Cremildo, sob conhecimento da mãe.

O Conselho Tutelar de Laje foi informado sobre a situação e procurou a Delegacia da região para denunciar o caso. A menina foi afastada da família.

Ainda conforme a polícia, o delegado titular Edílson Campos Alves solicitou exame de corpo delito e o resultado confirmou o estupro. Um mandado de prisão preventiva foi expedido para os acusados. O lavrador está foragido. A mãe da criança foi encaminhada para o sistema prisional.

G1

OPINIÃO CONTUNDENTE

EM DECADÊNCIA?: Ex-radialista compara as rádios de Cajazeiras a ‘relacionamento que perdeu o sabor’

QUER APROVAÇÃO?

ENEM 2018: Cursinho inova em Cajazeiras com grande equipe de professores e dinâmica moderna de ensino

PARA A ETERNIDADE

VÍDEO: Programação de 70 anos do Atlético começa com exposição histórica que promete encantar Cajazeiras

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio