header top bar

section content

Professora que fez sexo com aluno centenas de vezes se diz “vítima”

Ela pode pegar até dois anos de prisão pelo crime, que aconteceu em Cedar Rapids, Iow

Por Estagiário

19/10/2016 às 15h33 • atualizado em 19/10/2016 às 15h35

Mary Beth Haglin, a professora americana de 24 anos que confessou ter tido relações sexuais com um aluno de 17 centenas de vezes, disse que é “a vítima” da história.

Segundo o Jornal The Sun, Haglin afirmou que o menor a seduziu e que ela estava “vulnerável” quando o relacionamento iniciou. Em entrevista a um programa de TV, a professora contou detalhes da vida sexual dos dois:

“Fizemos sexo quase diariamente, no carro dele, no meu carro, na casa da mãe dele e na casa do pai dele”, disse.

Ela pode pegar até dois anos de prisão pelo crime, que aconteceu em Cedar Rapids, Iowa. Após ser demitida da escola, ela virou stripper em uma boate.

Notícias ao Minuto

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula