header top bar

section content

Professora que fez sexo com aluno centenas de vezes se diz “vítima”

Ela pode pegar até dois anos de prisão pelo crime, que aconteceu em Cedar Rapids, Iow

Por Estagiário

19/10/2016 às 15h33 • atualizado em 19/10/2016 às 15h35

Mary Beth Haglin, a professora americana de 24 anos que confessou ter tido relações sexuais com um aluno de 17 centenas de vezes, disse que é “a vítima” da história.

Segundo o Jornal The Sun, Haglin afirmou que o menor a seduziu e que ela estava “vulnerável” quando o relacionamento iniciou. Em entrevista a um programa de TV, a professora contou detalhes da vida sexual dos dois:

“Fizemos sexo quase diariamente, no carro dele, no meu carro, na casa da mãe dele e na casa do pai dele”, disse.

Ela pode pegar até dois anos de prisão pelo crime, que aconteceu em Cedar Rapids, Iowa. Após ser demitida da escola, ela virou stripper em uma boate.

Notícias ao Minuto

Tags:
CASOS QUASE PERDIDOS

VÍDEO: Médico cajazeirense relata ‘milagres’ na sala de cirurgia que ‘resgataram’ pacientes da morte

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

A divindade de Cristo e do Espirito Santo é bíblica? Programa Evangélico tira dúvidas em relação ao tema

EX-POLICIAL MILITAR

VÍDEO: Antes de virar pastor, ex-policial diz que matava pessoas porque resolveu “tomar o lugar de Deus”

CRISE EMOCIONAL

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar debate sobre ansiedade e depressão em estudantes universitários