header top bar

section content

Professora que fez sexo com aluno centenas de vezes se diz “vítima”

Ela pode pegar até dois anos de prisão pelo crime, que aconteceu em Cedar Rapids, Iow

Por Estagiário

19/10/2016 às 15h33 • atualizado em 19/10/2016 às 15h35

Mary Beth Haglin, a professora americana de 24 anos que confessou ter tido relações sexuais com um aluno de 17 centenas de vezes, disse que é “a vítima” da história.

Segundo o Jornal The Sun, Haglin afirmou que o menor a seduziu e que ela estava “vulnerável” quando o relacionamento iniciou. Em entrevista a um programa de TV, a professora contou detalhes da vida sexual dos dois:

“Fizemos sexo quase diariamente, no carro dele, no meu carro, na casa da mãe dele e na casa do pai dele”, disse.

Ela pode pegar até dois anos de prisão pelo crime, que aconteceu em Cedar Rapids, Iowa. Após ser demitida da escola, ela virou stripper em uma boate.

Notícias ao Minuto

ENTREVISTA BOMBÁSTICA

VÍDEO: Declarações polêmicas e provocações marcam o programa Xeque-Mate com o ex-prefeito Carlos Antônio

VÍDEO

Ex-aliado diz que prefeito de Cajazeiras forma “organização criminosa” e aponta gordas gratificações

DIÁRIO ESPORTIVO

Confira o resumo da rodada no programa Diário Esportivo com Luiz Júnior

XEQUE MATE

VÍDEO: Carlos Antonio declara pela 1ª vez publicamente apoio a Júnior Araújo; “é cancela fechada”