header top bar

section content

Vital revela obras de transposição do rio São Francisco estão retomando ritmo normal

A segunda visita ocorreu no dia 19 de abril ano eixo leste da obra em Pernambuco e na Paraíba

Por

29/01/2014 às 15h45

Presidente da Comissão Externa de Acompanhamento das Obras de Transposição de Águas do Rio São Francisco, o senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), revelou que apesar dos atrasos, as obras do projeto já estão retomando ao ritmo normal.  Segundo ele, apenas os trechos de Monteiro (PB) e Sertânea (PE) precisam efetivamente que as ordens de serviço sejam colocadas em prática.

A previsão do senador peemedebista é que mais mil trabalhadores sejam contratados para darem impulso as obras no trecho da Paraíba, e garantir o cumprimento do novo cronograma traçado pelo governo federal. “As obras já estão voltando a ritmo que nós esperamos.  Apenas dois trechos precisam de uma atenção especial. Eu estou com muito cuidado com o trecho da Paraíba por conta do atraso que houve” disse.

Com base em informações do Ministério da Integração Nacional, o senador acredita que até o final do ano, os 100 quilômetros que compreendem do Eixo Norte e Eixo Leste, estarão concluindo e com água. “A obra da transposição haverá de ser concluída em 2015 porque esse é um compromisso do governo federal” apostou Vital do Rêgo.

Vital não descartou a possibilidade dos senadores realizarem uma nova visita ao canteiro de obras na Paraíba e em Pernambuco. No ano passado, a comissão realizou três visitas as obras da transposição. “Essa é uma responsabilidade minha na condição de presidente da comissão” afirmou o senador.

Para ele, a transposição vai mudar a face rural do Nordeste e trazer esperança para milhões de nordestinos que sofrem com a escassez de água no período de seca.

Apontada como obra do século e redenção para 12 milhões de nordestinos distribuídos em 390 municípios do Ceará, de Pernambuco, da Paraíba e do Rio Grande do Norte, o projeto defendido por Vital do Rêgo contempla 477 quilômetros de canais nos eixos Norte, que vai de Cabrobó (PE) a Cajazeiras (PB), e Leste, com início em Floresta (PE) e término em Monteiro (PB).
Na condição de presidente da comissão, senador Vital do Rêgo garantiu que enquanto a obra não é concluída, ele continuar a buscar formas de convivência para os nordestinos que sofrem com a seca.

A comissão presidida por Vital e relatada pelo senador Humberto Costa (PT-PE), já realizou três visitas ao canteiro de obras da transposição do Rio São Francisco. A primeira visita da comissão ocorreu nos dias 7 e 8 de março de 2013, no eixo norte da obra. A segunda visita ocorreu no dia 19 de abril ano eixo leste da obra, nas cidades de Floresta e Sertânia, em Pernambuco, e Monteiro, na Paraíba. Em agosto do ano passado, os senadores, ministros e demais autoridades voltaram a cidade de Monteiro para vistoriar as obras no eixo leste.

Da Secom

NO CALDEIRÃO POLÍTICO NA TV

Advogado fala da profissão, discute política e diz que Luciano Cartaxo é favorito nas eleições de 2018

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com o Ministério de Louvor: Fonte de água da vida

SAÚDE MENTAL

VÍDEO: “Psicologia no Ar” reestreia na TV debatendo as dúvidas e estereótipos que os psicólogos carregam

ENTREVISTA

VÍDEO: Com demonstrações ao vivo, fisioterapeuta cajazeirense explica como funciona a Quiropraxia