header top bar

section content

Banco do Brasil abre mais de oito mil vagas e remuneração inicial chega à R$ 2 mil

Para participar, é preciso ter idade mínima de 18 anos completos até a data da contratação; salário é de R$ 2.043,36

Por

12/12/2013 às 11h28

O Banco do Brasil abriu nesta quarta-feira (11) o edital do concurso para formação de cadastro de reserva em vários estados brasileiros. O cargo é de escriturário e a remuneração inicial é de R$ 2.043,36 para jornada de 30 horas semanais. Para participar, é preciso ter certificado de conclusão ou diploma de curso de nível médio e idade mínima de 18 anos completos até a data da contratação.

A seleção, prevista para o dia 9 de fevereiro de 2014, será composta por provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, com questões de conhecimento básico, que incluem Língua Portuguesa, Atualidades do mercado financeiro, Matemática e Raciocínio Lógico e conhecimentos específicos, que abrangem Informática, Atendimento, Técnicas de vendas, Cultura Organizacional e Conhecimentos Bancários. Há ainda a Prova Discursiva -Redação – de caráter eliminatório, e na segunda etapa, são realizados exames médicos e procedimentos admissionais, de caráter eliminatório.

Candidatos empossados terão possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional, participação nos lucros ou resultados, nos termos da legislação pertinente e acordo sindical vigente e possibilidade de participação em planos assistenciais e previdenciários complementares.

Os candidatos poderão realizar a inscrição por meio do site da Fundação Cesgranrio de 12 de dezembro a 7 de janeiro. A taxa é de R$40.

Fonte: Assessoria

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor