header top bar

section content

Paraíba já imunizou mais de 19 mil crianças na Campanha de Multivacinação

A Campanha de Multivacinação tem o objetivo de atualizar a caderneta de vacinação e melhorar a cobertura vacinal de crianças menores de 5 anos e na faixa etária de 9 a menor de 14 anos.

Por Priscila Belmont

29/09/2016 às 09h33 • atualizado em 29/09/2016 às 15h57

PB imunizou mais de 19 mil crianças na Campanha de Multivacinação (Foto: Rizemberg Felipe/Jornal da Paraíba)

A Paraíba já imunizou 19.632 crianças menores de 5 anos na Campanha de Multivacinação, que teve início em todas as Macrorregiões de Saúde do Estado no dia 19 de setembro. O ‘Dia D’ aconteceu no dia 24 de setembro, no município de Bayeux, e a Campanha segue até a próxima sexta-feira (30).

A Campanha de Multivacinação tem o objetivo de atualizar a caderneta de vacinação e melhorar a cobertura vacinal de crianças menores de 5 anos e na faixa etária de 9 a menor de 14 anos – a inclusão dos adolescentes é uma novidade desta edição. Por se tratar de uma avaliação e atualização das cadernetas, esta campanha não tem metas a cumprir.

Até então, foi registrado no sistema que 44.675 crianças menores de 5 anos compareceram às unidades de saúde. Destas, 19.362 tomaram alguma vacina (ou seja, tinham atraso no cartão). Foram aplicadas 40.331 doses – salientando que, proporcionalmente, cada criança tomou, pelo menos, duas doses de vacina.

“A campanha foi criada porque observamos que muitos pais deixaram atrasar algumas vacinas de várias crianças e adolescentes. Nossa missão é colocar as cadernetas do público-alvo em dia. Vacinar muitas crianças e adolescentes nesta campanha não é, de todo, um dado positivo, porque mostra que muitos cartões estão atrasados e que, consequentemente, a vigilância não está boa”, explicou a chefe do Núcleo de Imunização da SES, Isiane Queiroga.

As crianças que estão com as cadernetas atrasadas devem tomar as vacinas que já estão disponíveis nos postos de vacinação. As vacinas disponibilizadas durante a Campanha Nacional de Multivacinação serão: BCG, Hepatite B, VIP (Vacina Inativada Poliomielite), VOP (Vacina Oral Poliomielite atenuada), Rotavírus, Pentavalente, Pneumo 10, Meningo C, Tríplice Viral, Tetraviral/Varicela, DTP (Tríplice Bacteriana), Dupla Adulto, HPV, Hepatite A e DTP Acelular. Destas, três são específicas para adolescentes: HPV, Tríplice Viral e Dupla Adulto, que é a antitetânica.

“É bom frisar que o importante é não deixar as vacinas atrasarem. Nossa recomendação é que a atenção básica fortaleça a vigilância do monitoramento das cadernetas de vacinação. As unidades de saúde têm as mesmas cadernetas que os pais, com as mesmas informações. Os agentes de saúde e os enfermeiros devem ficar atentos para cobrar dos responsáveis pelas crianças que as levem para serem imunizadas no período correto”, pontuou Isiane.

A Campanha de Multivacinação segue até a próxima sexta-feira (30). “Nosso alerta é que os pais levem as crianças e adolescentes com suas respectivas cadernetas aos postos de vacinação para que sejam avaliadas, independente de estar em dia ou não. Isso é importante porque, além da avaliação, existe o Boletim de Comparecimento que registra, caso a caderneta esteja em dia, o comparecimento da criança ou do adolescente no posto de vacinação. Caso a criança ou adolescente tenha deixado de tomar alguma vacina oferecida pelo Calendário Nacional de Vacinação, as doses serão atualizadas”, ressaltou Isiane.

Ela reforçou, ainda, que é preciso redobrar a atenção para o chamamento dos adolescentes, para que possam receber as vacinas. “É imprescindível que os profissionais de saúde dos municípios desenvolvam estratégias para atrair os adolescentes aos postos de vacinação. É importante salientar, também, que a cobertura vacinal do HPV está baixa, então vamos aproveitar o momento para mudar esta realidade e colocar em dia a imunização das adolescentes que ainda não tomaram a vacina”, alertou.

Secom

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda