header top bar

section content

Cajazeiras, Coremas e mais três cidades do Sertão registram chuvas acima da média em janeiro. Confira!

As chuvas foram provocadas por um Vórtice Ciclônico de Alto Nível, sistema meteorológico comum durante a pré-estação chuvosa na Paraíba.

Por

08/01/2016 às 14h36

Chuvas no Sertão estão acima da média no Sertão da Paraíba

Cinco cidades do sertão paraibano registraram chuvas acima do previsto para todo o mês de janeiro em apenas oito dias. De acordo com Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), já superaram a média histórica de 100 milímetros, os municípios de Emas (159,4 mm), Cajazeiras (141,8 mm), Coremas (139,5 mm), Bom Jesus (125 mm) e Piancó (104,5 mm).

VEJA TAMBÉM

► Vídeo: Forte chuva em Cajazeiras provoca destruição e mortes em comunidade rural

► Fortes chuvas animam sertanejos, e sítio de Cajazeiras registra 240 mm³

► Primeira chuva do ano em São João do Rio do Peixe faz rio transbordar, e população renova esperança

As chuvas foram provocadas por um Vórtice Ciclônico de Alto Nível, sistema meteorológico comum durante a pré-estação chuvosa na Paraíba. “Este é principal fenômeno que provoca chuvas no semiárido paraibano. Ele costuma aparecer entre os meses de dezembro e janeiro, podendo se estender até fevereiro. No momento ele continua atuando e a previsão é de mais precipitações, principalmente entre o final desta sexta-feira e a madrugada do sábado”, explicou a meteorologista Carmem Becker.

De acordo como o presidente da Aesa, João Fernandes da Silva, as chuvas provocaram o aumento do nível de alguns açudes. “Por enquanto podemos destacar o reservatório de Mãe d’Água, que recebeu quase três milhões de metros cúbicos, e açude de Coremas, que acumulou mais de 750 mil metros cúbicos. Nos demais não tivemos grandes recargas, mas estamos esperançosos de que a partir de fevereiro chova com mais frequência e os níveis melhorem significativamente”, elencou.

Dos 124 açudes monitorados pelo Governo do Estado, 31 estão com mais de 20% do seu volume total, 32 tem menos de 20% e 61 estão em situação crítica (com menos de 5% do volume total). A relação completa e o nível de cada reservatório estão disponíveis no site www.aesa.pb.gov.br

Mais 
No Cariri/Curimataú, Sertão e Alto Sertão a previsão é também de variação de nuvens com precipitação em áreas isoladas. Segundo informações do Instituto Nacional do Semiárido (Insa), localizado em Campina Grande um fenômeno meteorológico próximo à costa da Bahia indicou chuvas para o Semiárido paraibano. 

DIÁRIO DO SERTÃO 
Com Aesa

AMIGO DE BRÁULIO BESSA

VÍDEO: Poeta que esteve no Encontro com Fátima Bernardes foi o convidado do Xeque-Mate da semana; VEJA!

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Pentecostal de Jerusalém

DIÁRIO ESPORTIVO

DIÁRIO ESPORTIVO: Tudo que rolou no Campeonato Brasileiro e os preparativos para o Paraibano

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria Calado na Tv recebe Everly Paloma e Forró Bom de Mexer de Ipaumirim- CE