header top bar

section content

Filho de vereador precisa de doação de medula; amigos fazem campanha nas redes sociais

Nas redes sociais, familiares e amigos se mobilizaram e estão realizando uma campanha para procurar um doador de medula Óssea

Por

26/05/2014 às 10h20

Nicodemos Neto (Foto: Facebook)

Nicodemos de Paiva Gadelha Neto, tem três anos de idade, é filho do vereador sousense Cacá Gadelha (PSD), e está há mais de um ano realizando tratamento médico no Hospital Laureano em João Pessoa, contra uma Leucemia Linfoide Aguda (LLA).

Nas redes sociais, Cacá Gadelha informou que o filho realizou novos exames médicos, recebeu uma triste notícia: a doença de Nicodemos reincidiu.

Em sua página social no Facebook, Cacá postou a foto de Nicodemos dizendo: “Me ajude, doe medula Óssea. Nico”. Nas redes sociais, familiares e amigos se mobilizaram e estão realizando uma campanha para procurar um doador de medula Óssea.

Para ser um doador basta comparecer até o Hemonúcleo do Hospital Regional de Sousa para saber mais informações.

Leucemia Linfoide Aguda (LLA)
Também conhecida como leucemia linfoblástica aguda, é um câncer das células brancas (leucócitos) do sangue caracterizada pela produção maligna de linfócitos imaturos (linfoblastos) na medula óssea. (wikipedia)

A LLA pode atingir tanto adultos como crianças. É o câncer infantil mais frequente, apresentando um pico de incidência entre os dois e cinco anos de idade.

Trata-se de uma doença rapidamente progressiva, que necessita de urgência no tratamento. A leucemia é a principal causa de morte infantil no Brasil e corresponde a 33% dos casos de câncer que afetam crianças e adolescente, de acordo com o Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer (GRAAC). Por outro lado, as chances de cura são altas e chegam a 83% quando a doença é descoberta cedo e o paciente recebe o tratamento adequado.


DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
EMPODERAMENTO

VÍDEO: Associação dos Ciclistas de Cajazeiras promove neste final de semana pedal dedicado às mulheres

OUTRO LADO

Secretário de saúde diz que verbas federais serão mantidas e que o SAMU de Cajazeiras não vai fechar

PRECONCEITO

EM CAJAZEIRAS: Gari revela que as pessoas negam água e restaurantes proíbem entrada para comprar marmita

ABANDONADO

VÍDEO: Após saber da morte da mãe, homem passa fome nas ruas de Cajazeiras e faz apelo emocionante para voltar pra casa