header top bar

section content

VÍDEO: Professores de Cajazeiras vão parar atividades uma vez por semana por reajuste no piso salarial

Informação foi confirmada pelo SINFUMC. Segundo a presidente do sindicato, proposta da Prefeitura é de 2,94% de reajuste, mas logo foi rejeitada pelos professores

Por Jocivan Pinheiro

13/03/2018 às 13h35 • atualizado em 13/03/2018 às 13h40

Os professores da rede municipal de ensino de Cajazeiras decidiram, em conjunto com o Sindicato dos Servidores Municipais (SINFUMC), paralisar suas atividades uma vez por semana até que a Prefeitura aplique o reajuste de 6,81% no piso salarial que a categoria cobra com base em lei federal.

A informação foi confirmada pelos sindicalistas Richard José e Elinete Lourenço, presidente do SINFUMC, no programa Balanço Diário.

Segundo Elinete, a proposta da Prefeitura é de 2,94% de reajuste, mas logo foi rejeitada pelos professores.

VEJA TAMBÉM: Prefeito de Cajazeiras dá marcha a ré e pede de volta projeto de aumento salarial para professores

Uma paralisação já aconteceu na sexta-feira passada e outra será na próxima sexta. Hoje a categoria se reúne em assembleia para decidir quais outras medidas deve tomar.

Elinete Lourenço e Richard José, do SINFUMC

Além das paralisações, o sindicato já acionou a Justiça. “Nosso advogado coloca que, juridicamente, nós temos todas as chances porque o projeto é muito simples. É o reajuste do piso salarial de 6,81%. Que ele cumpra-se”, disse Elinete.

A sindicalista ressalta que essa e outras lutas do SINFUMC não são partidárias. “Nós não queremos saber se é de A, B, C ou D. Nós somos sindicato, e sindicato é para reivindicar e cuidar bem dos servidores. Isso nós faremos, seja quem for que esteja no poder”.

DIÁRIO DO SERTÃO

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula