header top bar

section content

veja mais Entretenimento

Terapia com luz pode ser a solução para impotência sexual masculina e melhora desempenho na cama

Novo estudo comprova que exposição à luz aumenta os níveis de testosterona e melhora o desempenho dos homens na cama

Por C. Campelo

09/10/2016 às 13h34 • atualizado em 08/10/2016 às 21h37

Estudo aponta melhora na vida sexual masculina (Foto: Reuters)

Uma descoberta da Universidade de Siena, na Itália, pode ser uma nova esperança para levantar a poeira da cama dos homens que sofrem de impotência. Cientistas comprovaram que exposição à luz melhora os níveis de testosterona e, consequentemente, melhora o desempenho sexual masculino. Muitos homens sentem o declínio da libido a partir dos 40 anos – alguns estudos estimam que um quarto deles desenvolvem problemas sexuais em alguma etapa da vida.

Os pesquisadores, liderados por Andrea Fagiolini, perceberam que a produção natural de testosterona nos homens que vivem no hemisfério Norte diminui entre os meses de novembro a abril (período que coincide com o inverno por lá) e aumenta entre a primavera e o verão. Eles defendem que essa evidência pode ser comprovada pelo fato de junho ser o mês mais fértil do ano na região, com as maiores taxas de concepção.

Para provar que a ausência de claridade realmente interfere no desejo sexual masculino, a equipe de Fagiolini realizou um experimento utilizando uma caixa que simula o efeito da luz natural, semelhante àquelas usadas em tratamentos para depressão – a caixa de luz é composta por tubos fluorescentes 10 vezes mais intensos que lâmpadas domésticas.

Os cientistas recrutaram 38 homens com problemas de falta de interesse sexual e tratou metade deles com doses altas de claridade e a outra metade com uma caixa adaptada que emite menos luz. Todas as manhãs, durante duas semanas, eles passaram 30 minutos em uma sala iluminada pelas caixas de luz. Ao fim do teste, os níveis de testosterona do grupo “solar” aumentaram de 2,1 para 3,6 nanogramas por milímetro. Eles também responderam um questionário sobre o próprio desempenho na cama e relataram estar três vezes mais satisfeitos com suas performances. Enquanto isso, entre os voluntários que foram expostos a menores quantidades luz, nada subiu.

Uma das explicações para o sucesso do “viagra luminoso” pode estar na glândula pineal, localizada no centro do cérebro. “A terapia de luz inibe que a atuação da glândula pineal, reguladora de ciclos vitais como sono e reprodução, interfira negativamente na produção de testosterona. E isso pode significar também outros efeitos hormonais”, explica Andrea Fagiolini.

Ele destaca que o estudo ainda precisa de outras comprovações, já que a amostra de voluntários foi pequena nesta primeira etapa. Mas acredita que no futuro a terapia de luz possa ter os benefícios dos remédios tradicionais de disfunção erétil, com a vantagem de não ter os mesmos efeitos colaterais. Aos homens desiludidos, há luz no fim do túnel – e não, não é azul.]

Superinteressante

GRANDE FESTA

VEJA FOTOS E VÍDEO: Empresários, políticos e comerciantes de quatro cidades da região de Cajazeiras são homenageados durante Festa do Empreendedor

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas – 26052017

INTERVIEW

Diretora do Vale dos Dinossauros e agente de viagens destaca visitação as pegadas e ‘convoca’ empresários da região de Sousa e Cajazeiras para alavancar turismo. VÍDEO!

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe a atleta Rebeca Café e as integrantes do Cajá Volley de Cajazeiras