header top bar

section content

Mancha Azul faz vídeo mostrando consertos no Perpetão e pedindo sua volta ao estádio

Comissão baniu a torcida dos estádios de futebol da Paraíba provisoriamente, com a alegação de que ela havia praticado depredação no Perpetão

Por Jocivan Pinheiro

19/02/2016 às 17h40 • atualizado em 20/02/2016 às 09h09

Membros da torcida organizada Mancha Azul, do Atlético de Cajazeiras, fizeram a reparação dos danos materiais causados ao estádio Perpetão, em Cajazeiras, durante o clássico Atletiba – Atlético x Paraíba – no último dia 2 pelo Campeonato Paraibano da Série A, quando o Paraíba venceu por um a zero em partida onde a arbitragem foi bastante contestada pelos torcedores atleticanos, comissão técnica e diretoria.

Foto enviada pela Mancha Azul mostra reparo feito no alambrado do Perpetão

Foto enviada pela Mancha Azul mostra reparo feito no alambrado do estádio Perpetão

Os torcedores que realizaram os reparos no alambrado e nas catracas de acesso ao estádio fizeram um vídeo para provar que o conserto foi feito e pedir ao procurador Valberto Lira, do Ministério Público da Paraíba e presidente da Comissão de Prevenção e Combate a Violência nos Estádios da Paraíba, que libere a torcida para voltar aos estádios.

Por causa do ocorrido, a referida comissão baniu a Mancha Azul dos estádios de futebol da Paraíba provisoriamente, com a alegação de que ela havia praticado depredação no Perpetão. Mas a organizada sempre negou a acusação, afirmando que os danos no alambrado foram provocados acidentalmente durante a comemoração de um gol.

♦ VEJA AQUI

Agora, a Mancha Azul torce para que o procurador libere o acesso da torcida aos estádios até domingo, quando acontece o maior clássico do interior do Estado, Atlético x Sousa, no Perpetão.

DIÁRIO DO SERTÃO

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Maria Vitória e Rodrigo Almeida 11.08.2017

INTERVIEW

Educadora fala da infância difícil e sua trajetória de sucesso: ‘Faltava dinheiro, mas não alegria’