header top bar

section content

Vice do Bota-PB minimiza ataques do Sousa: “apontamos um problema”

Breno Morais pondera que o Belo não é nem contra nem a favor do regulamento, mas que quer discutir critérios de classificação antes que os jogos sejam realizados.

Por Luzia de Sousa

29/03/2016 às 14h38

Confusão e impasse aconteceu na reunião da FPF nesta segunda-feira (Foto: Edgley Lemos / GloboEsporte.com/pb)

O vice-presidente do Botafogo-PB, Breno Morais, minimizou nesta segunda-feira as declarações irritadas do presidente sousense Aldeone Abrantes, que acusou o Belo de querer “assaltar o Campeonato Paraibano”. Segundo o dirigente botafoguense, o clube pessoense não fez mais do que apontar um “problema do regulamento” para que a Federação Paraibana de Futebol se posicione antes dos jogos serem realizados, para depois não abrir brechas para reclamações.

– O Artigo 12 do regulamento diz que na fase de mata-mata os clubes de melhor campanha na soma de todas as fases “jogarão por dois resultados iguais em pontos ganhos”. Se tivesse um ponto final em “resultados iguais”, era o que a gente normalmente vê no futebol. Mas o que quer dizer “resultados iguais em pontos ganhos”? Na nossa interpretação, se eu jogo por dois resultados iguais em pontos ganhos, e se eu ganhar três pontos no primeiro jogo e meu adversário ganhar três pontos no segundo jogo, eu empatei com ele em pontos ganhos. E se eu jogo por dois resultados iguais em pontos ganhos, eu passo de fase – explicou.

Pode ter modificações? Não sei se pode. Amadeu Rodrigues vai ter que se posicionar. Agora, é importante deixar claro que nós apontamos o problema há 60 dias, bem antes de saber que o nosso rival nesta segunda fase seria o Sousa”.

Breno Morais, vice-presidente do Botafogo

Parece confuso, mas na prática Breno está dizendo que o Botafogo poderia perder de qualquer placar no jogo de ida contra o Sousa, que bastaria o Belo vencer na volta por 1 a 0 e era o time pessoense o classificado.

Mas ele tenta deixar claro que o Belo, apesar de ter levantado este artigo do campeonato, não está por ora se posicionando:

– Pode ter modificações? Não sei se pode. Amadeu Rodrigues (presidente da FPF) vai ter que se posicionar. Agora, é importante deixar claro que nós apontamos o problema há 60 dias, bem antes de saber que o nosso rival nesta segunda fase seria o Sousa. A posição do Botafogo não é contra nem a favor. Só apontou o problema. Porque amanhã, depois dos jogos, quem se sentir prejudicado pode e vai recorrer. Quem era contra pode passar a ser a favor. Então é preciso que o regulamento seja esclarecido – declarou.

Breno ponderou, inclusive, que do jeito que está, o time que tem vantagem no mata-mata pode garantir a classificação para a próxima fase já no primeiro jogo, pois caso vença, o rival não teria mais como ultrapassá-lo em número de pontos ganhos.

breno morais, guilherme novinho, campeonato paraibano (Foto: Edgley Lemos / GloboEsporte.com/pb)

Guilherme e Breno Morais no centro da polêmica 

– Não é que a gente ache correto. Mas é o que está dito no regulamento.

Ainda que um time já se classificasse no primeiro jogo, Breno diz que o segundo jogo teria que ser realizado ainda assim, porque ele pode ser decisivo para definir quem terá o mesmo tipo de vantagem nas fases seguintes.

– O mesmo critério que eu mostrei aqui neste artigo também tem na semifinal e na final. As campanhas serão somadas ao longo de todas as fases para saber quem tem a vantagem.

Por fim, ele soltou uma indireta a quem quer discutir sem saber do que está falando, mas não citou nomes:

– No Botafogo a gente pega o regulamento, coloca na mesa e discute página por página. Tem gente que pega um regulamento deste e não sabe nem quantos artigos tem. Não em leu, e quer discutir. Não vai conseguir nada – finalizou.

Do Globo Esporte

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’