header top bar

section content

Gabigol marca, e Brasil vence Panamá antes de estreia na Copa América Centenário

Philippe Coutinho comanda seleção brasileira, que encara o Equador na 1ª rodada do Grupo B

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

30/05/2016 às 07h45

Brasil vence Panamá antes de estreia na Copa América

O Brasil conseguiu se preservar fisicamente, testar esquemas táticos diferentes e ainda ter uma boa atuação na vitória por 2 a 0 sobre o Panamá, em Denver, no último amistoso antes da estreia na Copa América Centenário. No 4-1-4-1, Jonas, substituto de Neymar, fez 1 a 0 antes que o rival tocasse na bola. As trocas de posições foram constantes e Philippe Coutinho, enfim, esboçou de amarelo o que costuma fazer de vermelho, no Liverpool. Depois, com Hulk no lugar de Luiz Gustavo e o 4-4-2, Gabriel honrou o apelido de Gabigol e a confiança que vem recebendo de Dunga: 2 a 0. Que estrela tem o garoto! O Brasil saiu de campo fortalecido, mesmo com a fragilidade do adversário.

É O CARINHA!

Gabriel e Douglas Santos estrearam pela seleção principal, e o atacante do Santos, com um tapa de pé esquerdo, fez seu primeiro gol no Brasil. Bem posicionado e oportunista, ele correu para abraçar Dunga no banco de reservas. A cumplicidade entre eles é nítida. O lateral do Atlético-MG, por sua vez, também teve boa atuação, mais solto no segundo tempo, principalmente.

VARIAÇÕES

O Brasil começou o jogo no 4-1-4-1 dos últimos três jogos, sem novidades, mas com muito mais movimentação envolvendo Coutinho, Willian e Jonas. Renato Augusto, novamente, impressionou pela leitura tática perfeita. No intervalo, Dunga trocou Luiz Gustavo por Hulk e armou um 4-4-2 com Elias e Renato Augusto centralizados, sem nenhum volante-volante. O meio-campo ganhou qualidade. Lucas Lima entrou no fim e ficou mais adiantado ao lado de Gabriel.

KAKÁ

O meia do Orlando City chegou em cima da hora para o lugar de Douglas Costa, mas ainda é a grande estrela da companhia. O barulho no estádio Dick’s Sporting Goods foi alto quando ele foi chamado a entrar no lugar de Coutinho. Com a camisa 7 nas costas e aberto pela esquerda, como chegou a atuar em seus melhores tempos, ele teve pouca participação num jogo já definido.

MAIS CORTES?

O meia Rafinha e o goleiro Ederson não foram relacionados para a partida. Ambos têm dores musculares e correm risco de ser cortados da Seleção para a Copa América. O departamento médico da CBF diz que terá uma posição até terça-feira. Os dois, entretanto, estiveram no estádio e acompanharam de perto a vitória brasileira. Se Ederson deixar o grupo, Marcelo Grohe, do Grêmio, será o substituto. Para a vaga de Rafinha há várias opções.

GE

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!