header top bar

section content

Brasil e Rússia têm novo duelo olímpico valendo vaga na decisão

Seleções reeditam a final dos Jogos Olímpicos de Londres

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

19/08/2016 às 14h05 • atualizado em 19/08/2016 às 08h08

Brasil enfrenta a Rússia pela semifinal (Foto: Guito Moreto / O Globo / NOPP)

O último confronto contra os russos em Jogos Olímpicos não deixou boas recordações para os brasileiros. A Seleção chegou a ter dois match points para fechar a final de Londres-2012 e ficar com a tão sonhada medalha de ouro, mas viu os rivais conseguirem uma virada incrível e ganharem o jogo por 3 sets a 2. Quatro anos após aquele duelo, Brasil e Rússia terão novo encontro numa Olimpíada, desta vez pela semifinal da Rio-2016, às 22h15, no Maracanãzinho. O outro finalista sairá do confronto entre Estados Unidos e Itália, às 13h.

No caminho até o mata-mata, o Brasil enfrentou dificuldades e chegou à última rodada da fase de grupos precisando vencer a França. O time de Bernardinho conseguiu se classificar para as quartas, quando bateu a Argentina. Já a Rússia teve quatro vitórias, perdeu um jogo na primeira fase e avançou às semifinais ao vencer o Canadá.

“O Lucarelli passou a preocupar (sentiu a coxa direita). O Brasil vai depender muito do Wallace, que fez 24 pontos contra a Argentina, e deve ser muito marcado na semifinal”, prevê o campeão olímpico Ricardinho, que acompanha os Jogos como comentarista da Rede Record.

Ricardinho esteve presente na final de Londres e lembra que, naquele jogo, o técnico russo, Vladimir Alekno, colocou o central Muserskiy como oposto. O jogador de 2,18m acabou sendo o destaque da decisão. “O técnico da Rússia passou por uma situação bem difícil em Londres e soube revertê-la. É experiente e pode fazer alguma coisa que mude a equipe russa de alguma maneira”, alerta Ricardinho.

Mas ele lembra que o time brasileiro está fortalecido após enfrentar uma situação de estresse com a possibilidade de não passar da primeira fase. “Pelo conhecimento que eu tenho desse grupo, eles estão muito confiantes. Será uma semifinal muito disputada”, aposta o levantador.

LUCARELLI E LIPE

Lucarelli passou por exame de ressonância magnética, que mostrou estiramento muscular leve em um músculo pequeno da coxa direita. Lipe, que sentiu uma contratura na lombar, amanheceu melhor, com menos dores. Os dois jogadores iniciaram o tratamento de fisioterapia e hoje passarão por teste com o departamento médico para avaliar a condição de jogo.

O Dia

DETALHES DO JÚRI

VÍDEO: Secretária revela bastidores do julgamento do caso Érika e diz que houve distinção de tratamento

22 DE AGOSTO

VÍDEO: Prefeitura de Cajazeiras corre para conseguir recapear todas as entradas antes do dia da cidade

"RASGARAM A CONSTITUIÇÃO"

VÍDEO: Para o vice-prefeito de Sousa, Lula é um preso político: “A injustiça dói em qualquer um”

TESTEMUNHO AO VIVO

VÍDEO: Pastor sentenciado a 32 anos de prisão diz que foi visitado por Deus na cadeia e saiu em 30 dias