Esportes
12/11/2016 às 16h00 • atualizado em 12/11/2016 às 14h03

postado por: Priscila Belmont

Surpresa e silêncio de Ronda marcam encontro com Amanda Nunes em Nova York

Ao ser anunciada como desafiante Ronda, que não compete desde que perdeu o cinturão para Holly Holm em novembro de 2015, apresentou cara fechada ao entrar no recinto.

© Fornecido por Ag. Fight Ronda Rousey e Amanda Nunes

Sem nenhum aviso prévio para fãs ou imprensa, Amanda Nunes e Ronda Rousey compareceram ao ginásio Madison Square Garden nesta sexta-feira (11) e levaram a plateia ao delírio. Estrelas principais do show marcado para o dia 30 de dezembro, em Las Vegas (EUA), as pesos-galos (61 kg) ainda garantiram a primeira encarada, cena que deve se repetir algumas vezes até a data da luta.

Ao ser anunciada como desafiante (pela primeira vez no UFC), Ronda, que não compete desde que perdeu o cinturão para Holly Holm em novembro de 2015, apresentou cara fechada ao entrar no recinto. Por sua vez, a brasileira, atual campeã, era mais sorridente – pelo menos até a hora de ficar frente a frente com a rival americana.

Em uma encarada dura e ríspida logo após a pesagem oficial para o show marcado para este sábado, e que conta com Conor McGregor como grande estrela, as lutadoras exigiram, mesmo sem se encostarem, a presença de Dana White para evitar que o pior acontecesse. E, claro,a torcida delirou.

“Essa é a luta que eu sempre pedi. Treino para ser a campeã desde que entrei no UFC e agora vou defender meu cinturão contra ela. Essa luta sera incrível. Vocês estão prontos?”, questionou a brasileira Amanda, enquanto a torcida vibrava alucinada.

Por sua vez, a judoca Ronda preferiu deixar o Madison Square Garden sem deixar uma palavra para os fãs. Nada, porém, que abalasse o clima de festa que àquela altura tomava conta das arquibancadas.

MSN

Deixe seu comentário




Mais Esportes