header top bar

section content

Tricolores que hostilizaram torcedores do Inter podem pegar 3 anos

Dupla foi denunciado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro

Por Henrique

14/12/2016 às 06h40 • atualizado em 14/12/2016 às 00h32

Torcedor do Inter é ameaçado (Foto: Reprodução)

O Ministério Público do Rio de Janeiro entrou com denúncia contra Bruno Vargas da Costa e Antonio Neto, os dois tricolores que aparecem em um vídeo hostilizando três torcedores do Inter em trem da SuperVia do Rio de Janeirode, no domingo, após partida entre o Fluminense e o Colorado.

Eles foram enquadrados nos artigos 41-B da Lei nº 10.671/03 (promover tumulto, praticar ou incitar a violência num raio de 5.000 (cinco mil) metros ao redor do local de realização do evento esportivo, ou durante o trajeto de ida e volta do local da realização do evento);e artigo 140 (Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro).

As penas variam de um a dois anos de prisão, além de multa, para o primeiro artigo e detenção de até um ano, também com multa, para o segundo.

Ainda no domingo, um dos torcedores foi identificado e teve uma série de dados pessoais divulgados na internet, como número de telefone e endereço. Ele ainda teve a página pessoal do Facebook excluída ou bloqueada.

Confira o vídeo aqui!

Notícias ao Minuto

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!