header top bar

section content

Quinteto Santista vence trio Messi, Neymar e Suárez do Barcelona nos números

O quinteto santista atuou junto, contando apenas as partidas em que todos começaram como titulares

Por

08/01/2016 às 08h20

Da esquerda para a direita, Coutinho, Pepe, Mengálvio, Lima e Dorval

Atualmente, o trio MSN do Barcelona formado pelo argentino Lionel Messi, o uruguaio Luiz Suárez e o brasileiro Neymar é o ataque mais temido do mundo. Com todo esse sucesso, as comparações, mesmo que 50 anos depois, com a linha clássica de frente do Santos, considerada a melhor da história do clube, escalada com Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe são inevitáveis. 

O quinteto santista atuou junto, contando apenas as partidas em que todos começaram como titulares, por 99 partidas de 1960 a 1966 e marcou 327 gols, uma média de 3,30 por jogo.

Pelé é o maior artilheiro (118), seguido de Coutinho (79), Pepe (57), Dorval (30) e Mengálvio (11). Eles foram responsáveis por nada menos que 90% dos tentos marcados pela equipe da Vila Belmiro nos confrontos em que estiveram em campo.

O Santos foi campeão de tudo com eles: Campeonato Paulista, Torneio Rio-São Paulo, Taça Brasil, Copa Libertadores e Mundial Interclubes.

Já o trio MSN da equipe catalã atuou junto a partir de 2014, desde o começo dos duelos, em 48 oportunidades e anotaram 127 vezes, média de 2,65 por confronto. Messi marcou 40 gols, Neymar marcou 30 e Suárez fez 29. Isso significa 78% dos gols do Barcelona.

Com eles, o Barça venceu no período Campeonato Espanhol, Copa o Rei, Uefa Champions League, Mundial de Clubes, Supercopa da Uefa e o Troféu Joan Gamper.

MSN

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis