header top bar

section content

Corinthians faz a festa do hexa com goleada histórica em cima do São Paulo

Timão fez a festa da torcida ao ganhar clássico por 6 a 1 neste domingo, na Arena Corinthians pelo Brasileirão

Por

23/11/2015 às 08h35

Edu Dracena comemora gol na goleada sobre São Paulo (Foto: Alan Morici/Frame Photo/Folhapress)

O Corinthians fez uma grande festa na conquista do hexacampeonato junto à sua torcida. Além de vencer o São Paulo por 6 a 1, em Itaquera, o capitão Ralf ergueu a taça do título neste domingo. E o jogo acabou com a torcida gritando: “olé”, "é campeão" e "o freguês voltou"  em uma das maiores goleadas deste Brasileirão. Foi o primeiro título do Timão em sua nova casa e a volta olímpica inédita.

Com esse resultado, o time de Tite soma 80 pontos na ponta da tabela. Já o rival, corre o risco de ficar de fora do G-4 que daria uma vaga para disputar a Libertadores do ano que vem.

Os gols corintianos foram marcados por Romero (dois),  Bruno Henrique, Edu Dracena, Lucca e Christian. Enquanto que Carlinhos fez o de honra para o Tricolor. Alan Kardec ainda perdeu pênalti defendido por Cássio.

O Jogo
O Corinthians começou o jogo totalmente modificado em relação ao empate contra o Vasco, na última quinta-feira, que sacramentou o hexacampeonato brasileiro.

Com exceção a Cássio, os três jogadores que defenderam a seleção brasileira recentemente: Gil, Renato Augusto e Elias foram poupados para o clássico. O técnico Tite optou por escalar: Edu Dracena, Uendel, Bruno Henrique, Rodriguinho, Danilo, Lucca e Romero.

Por outro lado, o rival também foi alterado, já que não contou com Renan Ribeiro, com uma tendinite no posterior da coxa esquerda, e Paulo Henrique Ganso, com um desconforto no músculo adutor da coxa direita.

Alan Kardec foi a principal novidade do São Paulo, além da saída de Luis Fabiano para a titularidade de Rogério.

Inicialmente, o Corinthians formou uma linha de quatro marcadores atrás do meio de campo. Só Romero ficava mais avançado quando a equipe está sem a posse de bola.

Por sua vez, o Tricolor tinha uma postura mais ofensiva e tentava apertar a marcação no ataque, tentando aproveitar a falta de entrosamento do rival.

A primeira real chance foi o São Paulo com Rogério, aos 15 minutos. O rival respondeu aos 24, com uma cabeçada de Bruno Henrique, que Dênis Defendeu.

Mas no lance seguinte, o Timão chegou ao gol aos 26 minutos do primeiro tempo. Felipe cabeceou no canto direito e Denis defendeu parcialmente. No rebote, Bruno Henrique apareceu na área e fez: 1 a 0.

Aos 28 minutos, o Timão ampliou. Romero aproveitou  a cobrança de escanteio, ganhou pelo alto de Bruno e Lucão, e cabeceou: 2 a 0.

Corinthians tocava a bola, e torcida alvinegra, empolgada, provocava  o rival gritando “olé”.

Band

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan