header top bar

section content

Corinthians faz a festa do hexa com goleada histórica em cima do São Paulo

Timão fez a festa da torcida ao ganhar clássico por 6 a 1 neste domingo, na Arena Corinthians pelo Brasileirão

Por

23/11/2015 às 08h35

Edu Dracena comemora gol na goleada sobre São Paulo (Foto: Alan Morici/Frame Photo/Folhapress)

O Corinthians fez uma grande festa na conquista do hexacampeonato junto à sua torcida. Além de vencer o São Paulo por 6 a 1, em Itaquera, o capitão Ralf ergueu a taça do título neste domingo. E o jogo acabou com a torcida gritando: “olé”, "é campeão" e "o freguês voltou"  em uma das maiores goleadas deste Brasileirão. Foi o primeiro título do Timão em sua nova casa e a volta olímpica inédita.

Com esse resultado, o time de Tite soma 80 pontos na ponta da tabela. Já o rival, corre o risco de ficar de fora do G-4 que daria uma vaga para disputar a Libertadores do ano que vem.

Os gols corintianos foram marcados por Romero (dois),  Bruno Henrique, Edu Dracena, Lucca e Christian. Enquanto que Carlinhos fez o de honra para o Tricolor. Alan Kardec ainda perdeu pênalti defendido por Cássio.

O Jogo
O Corinthians começou o jogo totalmente modificado em relação ao empate contra o Vasco, na última quinta-feira, que sacramentou o hexacampeonato brasileiro.

Com exceção a Cássio, os três jogadores que defenderam a seleção brasileira recentemente: Gil, Renato Augusto e Elias foram poupados para o clássico. O técnico Tite optou por escalar: Edu Dracena, Uendel, Bruno Henrique, Rodriguinho, Danilo, Lucca e Romero.

Por outro lado, o rival também foi alterado, já que não contou com Renan Ribeiro, com uma tendinite no posterior da coxa esquerda, e Paulo Henrique Ganso, com um desconforto no músculo adutor da coxa direita.

Alan Kardec foi a principal novidade do São Paulo, além da saída de Luis Fabiano para a titularidade de Rogério.

Inicialmente, o Corinthians formou uma linha de quatro marcadores atrás do meio de campo. Só Romero ficava mais avançado quando a equipe está sem a posse de bola.

Por sua vez, o Tricolor tinha uma postura mais ofensiva e tentava apertar a marcação no ataque, tentando aproveitar a falta de entrosamento do rival.

A primeira real chance foi o São Paulo com Rogério, aos 15 minutos. O rival respondeu aos 24, com uma cabeçada de Bruno Henrique, que Dênis Defendeu.

Mas no lance seguinte, o Timão chegou ao gol aos 26 minutos do primeiro tempo. Felipe cabeceou no canto direito e Denis defendeu parcialmente. No rebote, Bruno Henrique apareceu na área e fez: 1 a 0.

Aos 28 minutos, o Timão ampliou. Romero aproveitou  a cobrança de escanteio, ganhou pelo alto de Bruno e Lucão, e cabeceou: 2 a 0.

Corinthians tocava a bola, e torcida alvinegra, empolgada, provocava  o rival gritando “olé”.

Band

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada