header top bar

section content

UFC está trabalhando em Anderson Silva contra Vitor Belfort de novo

Dirigente revelou, em entrevista ao comentarista Joe Rogan, que a organização aprova a ideia do reencontro entre os rivais cinco anos depois

Por

17/11/2015 às 08h25

Anderson (esq.) e Vitor (dir.) podem se reencontrar no octógono (Foto: Josh Hedges/UFC)

Em 2011, o MMA se tornou febre entre o público brasileiro após a histórica luta entre Anderson Silva e Vitor Belfort, na época valendo o cinturão dos pesos médios do UFC. Agora, quase cinco anos depois do combate marcante, os dois podem voltar a se encontrar no octógono em uma das revanches mais aguardadas pelos fãs do Brasil. A informação foi divulgada por ninguém menos que o presidente do Ultimate Dana White.

Durante participação no podcast do comentarista oficial do UFC Joe Rogan, Dana foi questionado sobre a possibilidade de promover o duelo entre o Fenômeno e o Spider e, pela primeira vez, não negou, reconhecendo que o confronto está sendo negociado entre a organização e os atletas. “Eu sei, eu sei… Eu não discordo (que essa é uma luta que faça sentido), nós estamos trabalhando nisso”, disse o dirigente.

Aos 40 anos, Anderson Silva tem um cartel profissional de 33 vitórias, seis derrotas e uma luta sem resultado. Atualmente, o Spider cumpre suspensão após ser flagrado em exame antidoping após a luta contra Nick Diaz em janeiro deste ano. Anderson estará liberado para voltar a lutar a partir de fevereiro de 2016.

Já Vitor Belfort, de 38 anos, possui um retrospecto de 25 vitórias e onze derrotas. Após ser derrotado por Chris Weidman em maio deste ano na disputa do título dos médios, Vitor voltou ao octógono em novembro, no UFC São Paulo, e nocauteou o veterano Dan Henderson.

Anderson Silva e Vitor Belfort se enfrentaram pela primeira vez em fevereiro de 2011, na luta principal do UFC 126. Na ocasião, Anderson defendeu o cinturão dos médios com um nocaute que entrou para a história do esporte, após aplicar um chute frontal espetacular no rival. Embora não tenha sido mencionado por Dana, uma possibilidade ventilada foi de que a revanche entre os rivais aconteça no evento já marcado do UFC para o Brasil em março de 2016.

Superlutas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares