header top bar

section content

Corinthians perde e está fora da Libertadores

Alvinegro teve o lateral Fábio Santos e o meio-campista Jadson expulsos e viu Fernando Fernández anotar o gol da vitória

Por

14/05/2015 às 07h25

Jadson lamenta expulsão na etapa final Foto: Miguel Schincariol/Folhapress

Sem apresentar um grande futebol, o Corinthians foi derrotado pelo Guaraní-PAR por 1 a 0, nesta quarta-feira, na Arena Corinthians, e se despediu da Copa Libertadores. A equipe paulista teve o lateral Fábio Santos e o meio-campista Jadson expulsos na etapa final. O único gol do jogo foi anotado por Fernando Fernández.

No jogo de ida, os paraguaios venceram por 2 a 0.

Agora, o clube paraguaio enfrenta o vencedor de Racing e Montevideo Wanderers, que jogam nesta quinta-feira. No primeiro jogo, no Uruguai, as equipes ficaram no 1 a 1.

A etapa inicial na Arena Corinthians foi um verdadeiro ataque contra defesa. Logo aos cinco minutos de jogo, Fábio Santos foi até a linha de fundo e cruzou. Jadson finalizou de primeira e Aguilar fez a defesa. Aos 14, Renato Augusto recebeu e bateu da entrada da área. A bola foi para fora.

O Timão aproveitava a falta de força do Guaraní para puxar contragolpes e seguiu pressionando. Aos 20, mais Corinthians! Jadson recebeu na entrada da grande área e finalizou. Aguilar defendeu.

O Corinthians teve a chance do jogo aos 36, com Guerrero. O peruano recebeu bom passe de Jadson na entrada da área e soltou a bomba. Aguilar fez um milagre e evitou o gol alvinegro.

Precisando de uma vitória por 2 a 0 para levar o jogo para os pênaltis, o Corinthians retornou ao segundo tempo com duas substituições na equipe: Danilo e Mendoza nos lugares de Felipe e Malcom.

Mesmo com as trocas, o Alvinegro não conseguiu transformar a superioridade em gols. Para piorar, aos sete, Fábio Santos levantou o pé demais em dividida com Santander e foi expulso. A falta de um jogador em campo complicou mais ainda a vida da equipe paulista, que não com conseguia concluir em gol, apesar da vantagem na posse de bola.

Se já estava difícil, ficou ainda mais aos 24. Jadson deu um tapa no rosto de Benítez, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com nove jogadores em campo, o Corinthians pouco criou e apostava nos chutes de longa distância, mas as bolas passaram longe da meta de Aguilar.

Com dois jogadores a mais, o Guaraní teve a chance de vencer a partida aos 36 minutos. Mendoza recebeu passe na grande área, fez o corte no xará corintiano e finalizou de pé esquerdo, mas o chute foi fraco e Cássio fez a defesa. Mesmo assim, a equipe paraguaia estava garantida nas quartas de final da Libertadores, enquanto o Corinthians amargou a eliminação.

BAND

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan