header top bar

section content

Veja qual será a punição de Anderson Silva por caso de doping

No mesmo dia em que foi oficializada a suspensão preventiva, a Comissão Atlética de Nevada (NAC) também recebeu a denúncia contra Anderson

Por

19/02/2015 às 09h00

Anderson Silva deve ter multa pesada e gancho de um ano por caso de doping

No mesmo dia em que foi oficializada a suspensão preventiva, a Comissão Atlética de Nevada (NAC) também recebeu a denúncia contra Anderson Silva por conta dos flagrantes de doping em exames feitos antes e depois de sua vitória sobre Nick Diaz. O documento escrito pelo procurador Christopher Eccles tem 37 páginas e detalha as infrações e possíveis penas que ele deve sofrer se for considerado culpado.

Vou relatar o que tem no documento:

– Anderson Silva foi flagrado com dois tipos de anabólicos em um exame de urina feito em 9 de janeiro: drostanolona e androsterona. As duas substâncias são proibidas pelo código geral da Agência Mundial Andoping (WADA). Esses testes foram conduzidos pelo Laboratório de Medicina Esportiva e Pesquisa de Salt Lake City (SMRTL).

– O ex-campeão dos médios foi flagrado em dois exames de urina feito em 31 de janeiro, um logo antes de enfrentar Nick Diaz e outro logo após o combate. No primeiro, feito pela SMRTL, ele foi flagrado novamente com o anabólico drostanolona. No segundo, conduzido pelo laboratório Quest, foi encontrado dois tipos de benzodiazepinas (que podem ser ansiolíticos, ou sedativos e relaxantes musculares): Oxazepam e Temazepan.

As benzodiazepinas não constam na lista de substâncias proibidas da WADA, mas são vetadas em Nevada. Elas podem ser liberadas apenas se for pedido previamente para a Comissão Atlética uma permissão de uso desse tipo de droga, baseado em relatórios médicos.

– No formulário que Anderson Silva preencheu antes de pedir a licença para enfrentar Nick Diaz, ele não informou o uso de qualquer tipo de medicação, ou seja, mentiu, o que viola as regras da NAC e configura perjúrio (falso testemunho).

– Apesar de ter sido flagrado em três exames diferentes, o caso de Anderson está sendo considerado um único doping. Dessa maneira, como não há reincidência e sua suspensão deve ser de um ano. Reincidentes podem pegar dois anos de gancho.

– A multa estipulada para o caso não pode passar do valor de US$ 250 mil (cerca de R$ 700 mil).

– Se for julgado culpado, ele também terá de arcar com todos os custos do processo e de investigação, incluindo os valores dos exames antidoping feito e honorários de advogados.

– Foi pedido para que a vitória de Anderson Silva seja transformada em No-Contest (sem resultado).

– Anderson Silva tem 20 dias para apresentar à NAC algum tipo de defesa ou ciência do processo. Caso não o faça, ele perde a chance de defesa e será considerado que ele assumiu ter feito todas as infrações que é acusado.

– Ele passará agora por uma audiência disciplinar, em março. A denúncia será ouvida pela Comissão e o lutador terá a chance de se defender. Nessa data, ele terá de comparecer pessoalmente, não podendo se defender apenas por telefone ou ser somente representado por um advogado.

– Não foi pedida a contraprova de nenhum exame.

– Ele foi submetido a dois exames de sangue, em 19 e 31 de janeiro. Como ambos deram negativo, as amostras já foram descartadas.

– Antes de voltar a lutar, ele terá de passar por um exame de urina e o resultado terá de dar negativo para qualquer substância proibida para que consiga pedir sua licença.

Blogosfera

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares