header top bar

section content

Agente de Spider vê com bons olhos duelo com Belfort: “Lotaria Maracanã”

Apesar de Anderson desconversar, Jorge Guimarães diz que cinturão é, sim, o foco, e também se anima com possível trilogia com Weidman: "Assunto muito mal resolvido"

Por

30/01/2015 às 06h30

Anderson e Vitor Belfort fizeram encarada quente na primeira luta. (Foto: Getty Images)

Em entrevistas anteriores, Anderson Silva disse que gostaria de ter uma terceira chance contra Chris Weidman, mas que não enfrentaria Vitor Belfort novamente. O atual campeão e o Fenômeno vão duelar no dia 28 de fevereiro pelo cinturão dos médios, e o vencedor terá o Spider como próximo adversário, segundo palavras de Dana White, presidente do UFC, caso o ex-detentor do título passe por Nick Diaz neste sábado. Anderson pode até desconversar, mas um segundo duelo com Belfort é visto com bons olhos por seu empresário, Jorge Guimarães. No primeiro, em 2011, ele nocauteou o compatriota com um chute frontal espetacular e ganhou projeção nacional, já que o Vitor já era bem famoso no Brasil.

– Pois é, tudo é possível. É uma lutaça. Essa luta faz sentido total, principalmente no Brasil. Lotaria até Maracanã – afirmou Joinha, animado com a possibilidade.

O foco de Anderson não parece ser o cinturão, pelo menos por enquanto, embora Dana White tenha garantido que ele terá a chance de recuperá-lo se vencer Diaz. Mas isso está longe de ser descartado por Jorge Guimarães, que também gostaria de ver a trilogia com Weidman.

– Vencendo essa luta (contra Nick Diaz), vai ter uma disputa de cinturão. Nada mais justo, ele é o desafiante número 1. Tem tudo a ver. É aquela história, não estou falando como empresário do Anderson, mas como fã do esporte. Houve aquela primeira luta (contra Weidman), onde o Anderson deu aquela brincada, é o estilo dele, e acabou sendo nocauteado. Para mim ele já tinha dominado o Weidman, o espírito do americano já tinha ido embora.

A mesma coisa na segunda, acho que o Anderson já tinha exorcizado o espírito dele e estava só esperando o nocaute. Para mim, é um assunto muito mal resolvido. Nunca ninguém vai saber esse desfecho. Uma terceira luta cairia muito bem.

Antes de Weidman ou Belfort, Anderson Silva precisa derrotar Nick Diaz. Para Joinha, o Spider está totalmente recuperado da fratura na perna esquerda, tem tudo para vencer essa luta e leva vantagem no casamento de estilos. A aposta é de nocaute antes do terceiro assalto.

– O Anderson está perfeito. A saúde está 100%. No treino aberto deu para ver que ele está nas melhores condições físicas. Está muito feliz, esse tempo fez muito bem a ele. Acompanho o Anderson desde o início da carreira, e nunca o vi tão feliz. Está com preparo de ponta e é o maior artista marcial de todos os tempos. Vai enfrentar o Nick Diaz, que é um cara que luta para frente, ou seja, é um estilo favorável ao Anderson. Acho que vamos ver o Anderson nocauteando o Nick antes do terceiro round – declarou o agente.

Com mais 15 lutas no contrato com o UFC, aos 39 anos, é difícil imaginar que Anderson cumpra nem uma parte considerável delas. O empresário do ex-campeão acredita que ele ainda tem chão pela frente, mas faz a ressalva de que só o próprio poderá definir essa questão.

– O Anderson ainda tem muita lenha para queimar, você vê pelo treinamento dele. Está em perfeitas condições. É um cara que não toma uma cerveja sequer. Nunca bebeu, nunca fumou, é um atleta de ponta. Nunca se machucou, tirando a última luta, é claro (risos). Acho que ainda tem lenha para queimar, mas quem vai definir o futuro dele é ele mesmo. É ele quem tem que escutar o próprio corpo e ver até onde dá.

Após um ano de ausência, Anderson Silva retorna ao octógono neste sábado, contra Nick Diaz, no UFC 183. O evento terá transmissão ao vivo do Combate a partir de 21h30 (de Brasília). O Combate.com fará o acompanhamento de todos os detalhes em Tempo Real, incluindo programa especial ao vivo sobre a volta de Spider com a participação dos lutadores convidados Vitor Miranda e Elias Theodorou e do treinador Sérgio Cunha. Nesta sexta-feira, canal e site transmitem a pesagem oficial a partir das 21h45. Confira o card completo:

UFC 183
31 de janeiro de 2015, em Las Vegas (EUA)
CARD PRINCIPAL
Peso-médio: Anderson Silva x Nick Diaz
Peso-meio-médio: Tyron Woodley x Kelvin Gastelum
Peso-leve: Joe Lauzon x Al Iaquinta
Peso-médio: Thales Leites x Tim Boetsch
Peso-meio-médio: Jordan Mein x Thiago Alves
CARD PRELIMINAR
Peso-galo: Miesha Tate x Sara McMann
Peso-médio: Ed Herman x Derek Brunson
Peso-mosca: Ian McCall x John Lineker
Peso-médio: Rafael Sapo x Tom Watson
Peso-pena: Diego Brandão x Jimy Hettes
Peso-médio: Rick Monstro x Ildemar Marajó
Peso-médio: Thiago Marreta x Andy Enz

Sportv

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview