header top bar

section content

Vereador e técnico do Sousa Esporte Clube é acusado de dar calote em restaurante. Veja

O técnico informou que vai pagar a dívida do restaurante ainda esta semana, para liquidar o débito.

Por

31/10/2011 às 17h46

O vereador Francisco Aldeone Abrantes (PTB) e técnico do Sousa Esporte Clube, da cidade de Sousa confirmou nesta sexta-feira (31), a existência de débitos no restaurante do Senhor Totô, no município sousense, onde os jogadores se alimentam, mas negou calote aos proprietários do estabelecimento.

Aldeone rebateu as denúncias que um popular da cidade fez à imprensa sousense dando conta que o vereador não estava pagando a dívida e os proprietários do restaurante já não agüentava mais alimentar os jogadores sem receber os pagamentos.

Segundo o técnico de futebol, as despesas com a alimentação dos atletas será honradas e atribuiu a questão a picuinhas políticas. “Estamos devendo a Totô mais é muito pouco e esta semana vamos pagar e zerar os débitos”. Assegurou o vereador.

Ele afirmou que há mais de três anos os jogadores fazem as refeições no mesmo restaurante e nunca houve qualquer problema desse tipo. A denúncia foi feita através de mensagens pelo MSN e o denunciante dizia que era o proprietário do restaurante.

Desmentindo
O proprietário do restaurante, o senhor Antonio Pamplona Estrela confirmou a versão do vereador e disse que usaram seu nome para fazer uma denúncia inverídica.

Ele informou que usaram o seu nome e criaram um msn falso para divulgar uma mentira e prejudicar o parlamentar. "Vou fazer uma denúncia a Polícia Federal, pois usaram o meu nome em vão". disse o senhor Antonio

Ouça Áudio!

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula