header top bar

section content

Comemoração: Botafogo vence o Cruzeiro no Engenhão

O Botafogo começou bem a sequência de três jogos em casa que terá nesta reta decisiva do Campeonato Brasileiro. Com um gol de Loco Abreu, o time alvinegro venceu o Cruzeiro por 1 a 0, consolidou-se no grupo de classificação para a Libertadores e encostou na liderança, com 55 pontos, dois a menos que o […]

Por

29/10/2011 às 20h20

O Botafogo começou bem a sequência de três jogos em casa que terá nesta reta decisiva do Campeonato Brasileiro. Com um gol de Loco Abreu, o time alvinegro venceu o Cruzeiro por 1 a 0, consolidou-se no grupo de classificação para a Libertadores e encostou na liderança, com 55 pontos, dois a menos que o líder Vasco. E pode até subir mais uma posição, se o Corinthians perder neste domingo para o Avaí. A meta nas próximas duas rodadas é manter o bom aproveitamento no Engenhão, contra Figueirense, sábado, e Vasco, dia 13 de novembro.

Cruzeiro
Já o Cruzeiro continua sua luta contra o rebaixamento. Por sorte, dois adversários na parte de baixo da tabela também perderam neste sábado, Atlético-PR (para o Santos) e Ceará (diante do Fluminense). A Raposa está em 15º lugar, com 34 pontos. O próximo adversário cruzeirense é o Flamengo, de novo no Engenhão.

Com um time lutando pelo título e outro jogando contra o rebaixamento, era natural que Botafogo e Cruzeiro entrassem em campo buscando o ataque. O time mineiro começou melhor, mas apesar de rondar a área adversária, não conseguia levar perigo a Jefferson, e se limitava a chutes de fora da área. Quando Anselmo Ramon recebeu bom passe na área, Jefferson saiu bem do gol, dividiu com o atacante e evitou a conclusão.

Botafogo
O Botafogo só melhorou nos 15 minutos finais do primeiro tempo, quando passou a dominar as ações. Aos 31, Elkeson cruzou rasteiro da esquerda mas Herrera, na pequena área, bateu por cima. O argentino recebou outro passe perfeito de Elkeson aos 42, dessa vez pela direita, mas tentou bater de trivela e mandou para fora, perdendo outra boa chance. A torcida não perdoou, passando a vaiá-lo. E no intervalo, Herrera acabou dando lugar a Caio.

No último lance do primeiro tempo, Diego Renan deu um chutão para trás, ao tentar dividir a bola com Herrera, e obrigou o goleiro Fábio a evitar o gol contra. Os jogadores do Botafogo reclamaram com o árbitro Wilton Pereira Sampaio, que não considerou recuo intencional. O técnico Caio Júnior protestou muito e acabou expulso no intervalo, indo para uma cabine do estádio assistir à etapa final.

Comemoração
De lá, o treinador não demorou muito para comemorar junto com a torcida. Aos nove minutos, Elkeson cruzou da esquerda e Loco Abreu, em sua primeira oportunidade real, acertou uma cabeçada precisa no canto direito de Fábio: 1 a 0. O gol animou o Botafogo. Aos 11, Elkeson bateu da entrada da área, rente à trave esquerda. Um minuto depois, Maicosuel arrandou do meio do campo, passou por três mas chutou por cima.

Mas o Cruzeiro também despertou com o gol sofrido. E passou a pressionar em busca do empate. Mas novamente mostrou por que está tão mal no campeonato. O goleiro Jefferson não fez uma defesa importante sequer. E, aos 38, Loco Abreu ainda esteve perto de ampliar com um golaço, mas depois de passar por Victorino e o goleiro Fábio, viu seu chute interceptado por Naldo, quase em cima da linha.

Do Globo

NO CALDEIRÃO POLÍTICO NA TV

Advogado fala da profissão, discute política e diz que Luciano Cartaxo é favorito nas eleições de 2018

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com o Ministério de Louvor: Fonte de água da vida

SAÚDE MENTAL

VÍDEO: “Psicologia no Ar” reestreia na TV debatendo as dúvidas e estereótipos que os psicólogos carregam

ENTREVISTA

VÍDEO: Com demonstrações ao vivo, fisioterapeuta cajazeirense explica como funciona a Quiropraxia