header top bar

section content

Estudante de 19 anos é sequestrado ao chegar em casa e tem carro roubado no Sertão da Paraíba

O caso só se tornou público na manhã deste sábado (25), quando registrou um Boletim de Ocorrência na delegacia da cidade sertaneja. Confira tudo aqui!

Por Luzia de Sousa

27/06/2016 às 07h52 • atualizado em 27/06/2016 às 08h47

Estudante é sequestrado no Sertão da Paraíba

O estudante Adalto Vieira Dias Junior, de 19 anos, foi abordado e sequestrado por três criminosos, no final da noite da última essa quinta-feira, 24, no momento que guardava o carro na garagem de sua casa, que fica na Rua Santos Dumont, esquina com a Santo Antônio, no centro de Itaporanga. O caso só se tornou público na manhã deste sábado (25), quando registrou um Boletim de Ocorrência na delegacia da cidade.

Armados e de cara limpa, os criminosos tomaram o veículo do jovem (um Fiat Uno 2012, placa NQD-7723) e o obrigaram a entrar em outro carro, um Fiat Uno vinho, que estava em poder dos bandidos. Sequestrado na porta de casa, o rapaz foi levado pela BR-361 até próximo ao triângulo de acesso a Coremas, onde foi deixado. “Eles mandaram eu descer e disseram que não olhasse para traz, mas percebi que retornaram em direção a Itaporanga”, disse o rapaz no momento que aguardava atendimento na manhã deste sábado (25) na delegacia de Itaporanga.

A vítima disse também que, durante o tempo que ficou em poder dos criminosos, eles fizeram várias perguntas sobre sua vida, inclusive se era filho de policial. O rapaz é filho do Cabo Adalto, já falecido, mas não revelou isso, temendo alguma represália. “Eles diziam que estavam em uma missão e precisavam do meu carro, mas não iriam fazer nada comigo”, comentou Adalto, que seguiu de pé até a cidade de Piancó, onde pediu ajuda a frentistas de um posto de combustível.

Policiais militares foram acionados e pegaram os dados pessoais do jovem, além de informações sobre o fato, mas disseram que não podiam fazer nada, porque já havia passado algum tempo da ocorrência, e orientaram a vítima a pegar uma carona e voltar para casa. Já era madrugada e Adalto ficou no meio da rua, mas um popular, sensível à situação do rapaz, resolveu deixá-lo em casa.

Além do carro, o jovem ficou sem os documentos pessoais, que estavam dentro do veículo levado pelos criminosos.

Fonte WSCOM

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires