header top bar

section content

Vereador aponta suspeito de matar mãe e filho em CZ e que vai pedir força tarefa a RC

O vereador pediu também que população assine abaixo-assinado para entregar a Ricardo Coutinho na cidade de Cajazeiras. Confira!

Por Jocivan Pinheiro

25/07/2016 às 20h07 • atualizado em 26/07/2016 às 10h28

O vereador e repórter policial Ivanildo Dunga revelou que o principal suspeito do duplo homicídio de mãe e filho no Sítio Papa Mel, em Cajazeiras, está praticando outros crimes na zona rural e aterrorizando as comunidades. Segundo Dunga, o suspeito está cometendo vários roubos a residências e já teria até atacado uma senhora.

O vereador anunciou que vai liderar um abaixo-assinado para entregar ao governador pedindo que ele autorize a formação de uma força-tarefa de polícias para tentar elucidar o ‘Crime do Papa Mel’ e prender o culpado.

“Ele já tentou atacar outra senhora em outra localidade. É preciso que a sociedade abrace essa causa. Iremos a partir de agora começar a colher assinaturas da população para, na vinda do governador à cidade, entregarmos o maior número de assinaturas pedindo uma força-tarefa”, disse.

VEJA TAMBÉM

» Casa onde mãe e filho foram assassinados começa a ser demolida na zona rural de Cajazeiras

» Reportagem mostra como ficou a casa onde mãe e filho foram mortos em Cajazeiras

» Casa onde mãe e filho foram mortos com requintes de crueldade é incendiada em Cajazeiras

Ainda de acordo com Ivanildo Dunga, o secretário de Segurança do Estado teria afirmado em entrevista que o crime estava elucidado. No entanto, o vereador diz que até o momento ninguém foi preso e o principal suspeito já foi visto em várias comunidades rurais.

“É mais do que justo continuarmos em busca dessa luta, porque chega de violência e impunidade, principalmente depois de uma entrevista em que o secretário de Segurança do Estado disse que o crime teria sido elucidado, e a sociedade de Cajazeiras quer saber de que forma foi elucidado.”

As assinaturas para o abaixo-assinado pedindo a força-tarefa ao governador serão colhidas em visitas a escolas e outras entidades e em pontos estratégicos da cidade.

DIÁRIO DO SERTÃO

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares