header top bar

section content

PM recupera carro roubado na PB 393; Acusado havia pegado carona com a vítima

No momento da abordagem o acusado não portava arma, mas recebeu voz de prisão e foi conduzido juntamente com os produtos do roubo para Delegacia de Policia Civil de Cajazeiras.

Por Luzia de Sousa

31/03/2017 às 08h10 • atualizado em 31/03/2017 às 08h11

Polícia prende acusado de assalto em Cajazeiras (Foto: PM)

Por volta das 17 h, dessa quinta-feira (30), Policiais Militares do 6º BPM conseguiram recuperar um veículo roubado e prender o acusado, um jovem de 33 anos de idade, que tinha tomado o veículo há poucos minutos na PB 393, nas proximidades do Hospital Universitário Julio bandeira.

+Com atuação de 250 policiais, ex-delegado de Cajazeiras comanda operação que prendeu 24 pessoas acusadas de tráfico, assaltos a bancos e carro-forte

O acusado vinha de carona de São João do Rio do Peixe a Cajazeiras quando simulou estar armado e anunciou o assalto subtraindo da vítima seu veiculo, modelo Celta, um aparelho celular e uma carteira de cédulas contendo a quantia de R$ 40,00.

A policia Militar foi acionada através do numero de emergência – 190, e minutos depois com base nas informações repassadas uma guarnição de Rádio Patrulha conseguiu localizar o veículo e o acusado no Bairro da Esperança quando foram abordados.

No momento da abordagem o acusado não portava arma, mas recebeu voz de prisão e foi conduzido juntamente com os produtos do roubo para Delegacia de Policia Civil de Cajazeiras para as medida legais.

=

DIÁRIO DO SERTÃO com PM

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada