header top bar

section content

Desligaram a luz, atiraram sapatos, chamaram a polícia: confusão impede eleição

Monteiro ainda não tem novo presidente da Câmara Municipal de Vereadores. A eleição acabou sendo suspensa na quinta-feira 1º, marcada por traições e revolta da população, que apagou as luzes do Clube Municipal Alexandre da Silva Brito, onde aconteciam a votação, atiraram sapatos e promoveram quebra-quebra no local. A polícia foi chamada. E a eleição […]

Por

02/01/2009 às 17h48

Monteiro ainda não tem novo presidente da Câmara Municipal de Vereadores. A eleição acabou sendo suspensa na quinta-feira 1º, marcada por traições e revolta da população, que apagou as luzes do Clube Municipal Alexandre da Silva Brito, onde aconteciam a votação, atiraram sapatos e promoveram quebra-quebra no local. A polícia foi chamada. E a eleição deve ser retomada às 20 horas desta sexta-feira 2.

A confusão foi iniciada por populares que se encontravam na solenidade de posse da prefeita Edna Henrique (PSDB) e se revoltaram com a atitude do vereador situacionista, Inácio Gabriel (PDT), que se uniu aos parlamentares da bancada de oposição a prefeita para ser eleito presidente.

Quando o presidente em exercício fez seu discurso declarando que Monteiro queria mudanças e não aceitaria mais traições como ocorria no passado, a população se “inflamou” e partiu para o ataque, apagando as luzes do clube e quebrando cadeiras e mesas. Até sapatos foram jogados no candidato a presidente Inácio Gabriel.

O presidente em exercício, Juracy Conrado, vereador mais votado no último pleito, teve que acionar a polícia para contornar a situação.

Os nove vereadores que compõem a Câmara Municipal de Monteiro se reunirão hoje para oficializarem a eleição da Mesa Diretora na sede do Poder Legislativo.

Entretanto, inconformados com a confusão gerada pela população, os cinco vereadores oposicionistas decidiram permanecer no Clube Municipal e, mesmo com as luzes apagadas, redigiram uma ata e elegeram o vereador Inácio Gabriel como presidente da Câmara, o que está sendo contestado pelo grupo da situação, que não reconhece a ata.

WSCOM Online

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires