header top bar

section content

"Não vou ser secretário" diz Junior

Existe outras formas de colaborar no governo Léo Abreu...

Por

06/11/2008 às 18h09

Ao que tudo indica, ser secretário de governo na gestão do prefeito eleito Léo Abreu não faz parte dos planos do advogado Junior Araújo, que foi uns dos coordenadores da campanha vitoriosa do jovem médico este ano.

Apesar de já ter experiência no cargo, por ter sido secretário no governo Carlos Antonio – a quem ele fez questão de agradecer pela oportunidade e o aprendizado – Junior confirmou esta semana que não pretende assumir nenhuma pasta.

“Já conversei com o prefeito Léo sobre esta questão. Não vou ser secretário no seu governo. Mas existe outras formas de colaborar. E não precisa estar exercendo cargo público para contribuir de alguma forma”.

A recusa para atuar em alguma secretaria do governo Léo parte de interesses profissionais particulares. Segundo ele, esse não é um momento interessante para deixar seu escritório de advocacia e se dedicar à administração pública mais uma vez.

Da redação do Diário do Sertão

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview