header top bar

section content

Vice-governadora inspeciona obras da transposição do Rio Francisco

A chegada do Projeto de Integração do rio São Francisco em Monteiro deve acontecer até próximo dia 6 de março.

Por Priscila Belmont

24/02/2017 às 10h24 • atualizado em 24/02/2017 às 10h25

Vice-governadora Lígia Feliciano inspeciona obras da transposição (Foto: Assessoria)

A vice-governadora Lígia Feliciano inspecionou, nessa quinta-feira (23), na cidade de Monteiro, as obras do Eixo Leste da transposição do Rio São Francisco. Ela esteve acompanhada por representantes do Comitê de Gestão da Crise Hídrica do Ministério Público da Paraíba (MPPB), Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), entre outros órgãos. A chegada do Projeto de Integração do rio São Francisco em Monteiro deve acontecer até próximo dia 6 de março.

Durante a visita ao trecho que vai receber as águas do São Francisco, a vice-governadora destacou que as obras complementares para a efetivação da transposição se devem ao esforço de todos. “O dia da chegada das águas do rio São Francisco é um momento esperado há muitos anos pelo povo paraibano. Todos nós estamos juntos nessa luta, acompanhando as obras, juntamente com os órgãos responsáveis, para que possamos receber as águas dentro do prazo previsto”, ressaltou Lígia Feliciano.

O procurador-geral de Justiça, Bertrand de Araújo Asfora, esteve presente durante a inspeção e frisou que as obras trarão juntamente com a água dignidade para a população. “O que estamos vivendo hoje é uma grande união da Paraíba para cuidar dela mesma, com a participação de todos de forma indistinta. Essa obra também trata do maior principio da nossa Constituição federal que diz respeito à dignidade da pessoa humana. A água é um instrumento, sem água não há vida,” disse.

Caminho das águas – O reservatório Copiti, localizado no sertão de Pernambuco, já recebeu água do Projeto de Integração do rio São Francisco com a ajuda das motobombas emprestadas pelo Governo do Estado de São Paulo.

A partir de Copiti, a água seguirá por meio de gravidade até a quinta estação de bombeamento, ainda no sertão de Pernambuco, depois segue para a EBV6, onde deve chegar no dia 2 de março, em seguida a água elevada vai passar por um canal e um túnel, chegando à cidade de Monteiro por meio da gravidade.

Após a chegada das águas do rio São Francisco, na cidade de Monteiro, serão despejadas pela Aesa no leito do rio Paraíba, em seguida, o velho Chico vai abastecer os açudes São José, Poções e Camalaú, antes de chegar ao açude Epitácio Pessoa (Boqueirão), que abastece Campina Grande e outras 18 cidades.

Secom

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os organizadores do 1º Eco pedal e o garoto prodígio do futebol Luiz Felipe