header top bar

section content

Carlos explica devolução dos R$ 7 milhões e insinua que denúncia partiu de Adjamilton

O ex-gestor explicou que os referidos recursos foram disponibilizados no ano de 2013, quando a prefeitura estava inserida no CAUC

Por

11/01/2016 às 19h06

Ex-prefeito de Cajazeiras, Carlos Antônio

O ex-prefeito da cidade de Cajazeiras, Carlos Antonio (DEM), participou de um programa de Rádio local nesta segunda-feira (11) e respondeu ao ex-Ministro Aguinaldo Ribeiro, que declarou em entrevista ao Portal Diário do Sertão nesse domingo (10), que a prefeitura teria desperdiçado recursos na ordem de R$ 7 milhões para revitalização do Açude Grande.

O ex-gestor explicou que os referidos recursos foram disponibilizados no ano de 2013, quando a prefeitura estava inserida no CAUC, não podendo receber recursos federais. “Denise entrou com uma ação no Ministério Público, mas o próprio Ministério suspendeu o dinheiro de volta”.

Leia mais

 Jornal aponta Carlos Antonio e Marinho como supostos acusados de fraude de R$ 800 milhões no Detran da PB; Ex-prefeito de Cajazeiras diz desconhecer denúncia.

► Presidente do PP destaca candidatura em Cajazeiras e diz que prefeitura desperdiçou R$ 7mi do Açude Grande

Denúncia
Sobre a denúncia veiculada no Jornal da Paraíba desse domingo (10), dando conta de suposta fraude no Detran da Paraíba, na ordem de R$ 800 milhões, Carlos Antonio disse ser uma denúncia equivocada. “Sou sócio apenas de uma empresa em Cajazeiras, o Cedic”.

Ele explicou que um dos sócios citados na denúncia do Jornal presta serviços a prefeitura de Cajazeiras, nas áreas de saúde, educação e venda de equipamentos, além de aquisição de softwares. “Esse empresa serve a educação de Cajazeiras. Todos os professores foram recentemente qualificados. Todas as escolas de Cajazeiras estão interligadas na análise de dados”.

Segundo o ex-prefeito, a empresa existe, é instalada na Avenida Engenheiro Carlos Pires de Sá e participou de processo licitatório.

Carlos Antonio atribuiu a denúncia a fatos políticos e insinuou ter sido “arquitetada” pelo radialista Adjamilton Pereira. “A gente sabe quem são os colaboradores do Jornal da Paraíba em Cajazeiras, que veicula e tentam desacreditar um trabalho realizado na cidade”.

Ainda se referindo ao seu ex-secretário de Saúde, Carlos Antonio assegurou: “Essa matéria a gente sabe de onde parte as informações. A gente sabe a fonte e o sentido de macular nossa imagem”.

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan