header top bar

section content

Como assim? Não fazer sexo te faz viver mais, aponta estudo

Pesquisa acredita que a produção de hormônios no ato sexual enfraquece o sistema imunológico

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

14/04/2017 às 08h45 • atualizado em 13/04/2017 às 20h47

Abstinência sexual pode te fazer viver mais, aponta estudo. (Foto: Pixabay)

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Sheffield, na Inglaterra, apontou que não fazer sexo por toda a vida pode trazer mais longevidade.

O estudo foi feito observando besouros, que foram divididos em dois grupos. Aqueles que acasalavam todos os dias viviam menos do que aqueles que nunca acasalavam. “O mecanismo não é o mesmo em humanos, mas o princípio é. Nos besouros, o acasalamennto liberava hormônios necessários para produzir espermas nos machos e óvulos nas fêmeas, e esse hormônio tinha um efeito negativo no sistema imunológico”, explicou o pesquisador Michael Siva-Jothey, que liderou o estudo, ao jornal The Scotsman.

Então, os pesquisadores concluíram que, ao fazerem sexo, os besouros e, seguindo essa lógica, os seres humanos, enfraquecem o sistema imunológico, o que diminui o tempo de vida com o passar do tempo.

“Freiras tendem a ter uma expectativa de vida maior de mulheres com filhos, e a maioria das pessoas conhece alguém que tem uma tia solteirona que parece viver para sempre. A pergunta é: por quê?”, disse Michael. Ele acredita que o que foi visto nos besouros pode ser aplicado aos seres humanos.

Outro estudo, publicado anteriormente na revista britânica Current Biology, também apontou resultados semelhantes. O artigo revelou que, há centenas de anos, os eunucos – homens que eram castrados – viviam até 19 anos a mais que homens da mesma classe social que praticavam sexo. Essa pesquisa acredita que o hormônio masculino, a testosterona, pode reduzir a

Estadão

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’