header top bar

section content

Clínica e Caps de CZ poderão ser fechados por não se adequarem a novo sistema, diz Maura

Maura quer fortalecer o papel do HRC realizando internações psíquicas no hospital.

Por

18/10/2011 às 08h17

A gerente da nona regional de Saúde de Cajazeiras, Maura Sobreira emitiu nesta segunda-feira (17) uma nota de esclarecimentos onde ela defende que os pacientes com necessidades psíquicas do município sejam tratados através dos serviços de base comunitária, mostrando-se contra internações.

A Nota foi enviada depois que a imprensa cajazeirense veiculou que a gerente deseja o fechamento de instituições particulares de internamento, no caso, a Clínica Santa Helena.

Durante sessão da câmara na semana passada, Maura, disse que não existe nenhum tipo de condições de ampliar ou permanecer com um serviço como a Clínica Santa Helena, que segundo ela, não está de acordo com a reforma psiquiátrica.

Se referindo ao proprietário da Clínica Santa Helena, Dr. Pessoa de Abreu, Maura disse que deseja nunca precisar dos serviços da clínica para seus familiares. “Com todo respeito, mas quero que meus familiares nunca precisem dos serviços de sua clínica para ser internados, pois ela não está dentro dos padrões da reforma psiquiátrica”,

Maura falou ainda, da deficiência de instituições já existentes como o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) e o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que segundo ela, muitas vezes se negam a atender um paciente por não saber lidar com um portador de doenças mentais e disse que devem existir leitos de retaguarda no Hospital Regional de Cajazeiras capazes de manter esses pacientes.

De acordo com Maura, foram estabelecidos prazos para reorganização dos CAPS do município de Cajazeiras, caso eles não sejam obedecidos haverá possibilidade de intervenção do Ministério Público que pode sugerir ao Ministério da Saúde que os serviços sejam descredenciados.

Veja vídeo das declarações da gerente da Nona Regional de Saúde de Cajazeiras

O Outro lado
A representante popular, vereadora Léa Silva, defendeu o psiquiatra Dr. Pessoa de Abreu, dizendo que a Clínica Santa Helena pode até precisar de qualquer tipo de adequação, mas, que ela sempre foi e continuará sendo muito importante para Cajazeiras e região.

O Dr. Pessoa de Abreu disse que não foi convidado para o evento onde foi debatida a Saúde Mental do município, como havia dito a gerente Maura Sobreira. Ele lamentou também, o fato de nunca ser chamado para tais eventos e somente ser lembrado para festas de colação de grau de turmas de universidade.

Ouça Áudio de Dr. Pessoa e Vereadora Léa.


DIÁRIO DO SERTÃO

NO CALDEIRÃO POLÍTICO NA TV

Advogado fala da profissão, discute política e diz que Luciano Cartaxo é favorito nas eleições de 2018

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com o Ministério de Louvor: Fonte de água da vida

SAÚDE MENTAL

VÍDEO: “Psicologia no Ar” reestreia na TV debatendo as dúvidas e estereótipos que os psicólogos carregam

ENTREVISTA

VÍDEO: Com demonstrações ao vivo, fisioterapeuta cajazeirense explica como funciona a Quiropraxia