header top bar

section content

VÍDEO: Comandante da 5ª CPTRAN de Cajazeiras faz avaliação da Operação Voto Seguro na região

O Comandante Matias da 5ª CPTRAN concedeu entrevista ao Programa Olho Vivo da TV Diário do Sertão

Por Luiz Adriano

18/11/2020 às 17h52 • atualizado em 18/11/2020 às 17h56

A 5ª CPTran da Polícia Militar participou, no período de 10 a 16 de novembro, da operação Voto Seguro 2020 e desenvolveu ações com o intuito de garantir um pleito tranquilo e ainda promoveu a intensificação das fiscalizações de trânsito em toda a área de sua circunscrição, que engloba 22 cidades do Alto Sertão.

As ações consistiram em apoio aos batalhões de polícia de área, atendimentos de ocorrências de acidentes de trânsito, pontos de bloqueios e apoio em todas as operações desencadeadas, a exemplo da operação Cometa, criada para garantir paz e ordem pública em algumas cidades onde as disputas políticas estavam mais fervorosas.

VEJA TAMBÉM

5ª CPTran da Polícia Militar apreendeu 90 veículos e registrou 3 acidentes durante operação Voto Seguro

Segundo o comandante Matias da 5ª CPTRAN, ele avalia a Operação “Voto Seguro” como uma operação bastante tranquila. No entanto, o comandante ressaltou que tiveram algumas cidades que a PM teve que agir com mais rigor. Ele citou as cidades de Uiraúna e Bonito de Santa Fé onde os ânimos estavam acirrados. No entanto, ele afirmou que tudo se manteve sob o controle da polícia.

“A avaliação nas cidades que compõe a nossa região é que foi uma eleição tranquila, bastante trabalhosa para a Polícia Militar como um todo. Nós nos dedicamos bastante para garantir a segurança de todos. A nossa avaliação, é que realmente transcorreu tudo dentro da normalidade, apesar desses acirramentos em algumas regiões”, afirmou o comandante.

As ações neste período resultaram na apreensão de 90 veículos, três atendimentos a acidentes de trânsito e 197 multas por infração de trânsito.

O comandante Matias disse que os veículos apreendidos foram removidos porque estavam em situação de infração administrativa ou de cunho eleitoral. Ele lembrou ainda que as principais irregularidades encontradas são: a falta de CNH, ausência da utilização do capacete e os canos de escape adulterados das motocicletas. “Fizemos uma operação 1 mês antes das eleições para gente conseguir barrar essas motos, em sua maioria principalmente aqui na cidade de Cajazeiras. Foram recolhidas mais de 125 motocicletas nesse período de 20 a 25 dias antes das eleições”, concluiu. Segundo o comandante, o objetivo da operação era justamente para ter uma eleição mais tranquila, principalmente na cidade de Cajazeiras, com menos barulho nas ruas.

As cidades que o efetivo da 5ª CPTran atuou foram: Cajazeiras, Bonito de Santa Fé, São João do Rio do Peixe, Poço de José de Moura, Carrapateira, Monte Horebe, Uiraúna, Bom Jesus, Triunfo, Santa Helena, Catolé do Rocha, Mato Grosso, Riacho dos Cavalos, Brejo do Cruz, Jericó, Brejo dos Santos, Sousa, Marizópolis, Nazarezinho, São José da Lagoa Tapada, Aparecida e Vieirópolis.

DIÁRIO DO SERTÃO

ENCORAJAMENTO

VÍDEO: Palestrante fala dos desafios e de como se motivar em época de pandemia

MISSÃO

VÍDEO: Missionária da comunidade Boa Nova comemora três anos da casa de acolhimento em Cajazeiras

ESPETÁCULO DA NATUREZA

VÍDEO: Por do sol de Monte Horebe chama atenção de internautas e vídeo bomba nas rede sociais

SÃO PAULO

VÍDEO: Jornalista fala sobre as eleições da maior metrópole da América Latina

Recomendado pelo Google:
error: Alerta: Conteudo Protegido !!