header top bar

section content

Universitária de Direito de apenas 21 anos é encontrada morta com marca de tiros

De acordo com a família, Dóris saiu de casa por volta das 14h para comprar um remédio e não voltou mais.

Por

20/12/2015 às 19h00

Universitária de Direito de apenas 21 anos é encontrada morta

O corpo de uma jovem foi encontrado, em São Francisco de Paula, na Serra gaúcha. A estudante universitária Dóris Terra Silva, de 21 anos, estava desaparecida desde domingo (20)  à tarde, segundo familiares.

O corpo dela foi encontrado com marcas de quatro tiros, às margens da RS-020, perto do Centro de informações Turísticas da cidade. De acordo com a família, Dóris saiu de casa por volta das 14h para comprar um remédio e não voltou mais.

Após o sumiço, familiares e amigos deram início a uma mobilização nas redes sociais, com mensagens e pedidos de ajuda para encontrá-la. O carro e o celular dela foram achados horas depois em Canoas, na Região Metropolitana da capital. À noite, o corpo foi localizado.

Estudante de direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), a jovem morava em Porto Alegre e estaria em São Francisco de Paula para visitar a família. A polícia ainda não sabe o que motivou o crime. Ela era filha do ex-prefeito de São Francisco de Paula, Sérgio Bandoca Foscarino da Silva.

Do G1

Tags:

VÍDEO: Psicologia no Ar recebe diretores e psicóloga de organização que promove cidadania em Cajazeiras

NOVIDADES

Xeque-Mate visita lançamento do novo plano da Eletrosorte, que firmou parceria com gigante dos seguros

FUTEBOL DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Dirigentes e ex-jogadores relembram histórias marcantes do Duque de Caxias, que completou 50 anos

VÍDEO: Programa de rádio que é sucesso na região de Campina fecha parceria com emissora de Cajazeiras