header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

População vive terror após explosão de fábrica de fogos de artifícios em Lavras da Mangabeira; duas pessoas morreram

O proprietário, o empresário Antônio Lima da Silva, conhecido popularmente como “Macaúba”, ficou com 90% do corpo queimado.

Por

19/10/2015 às 19h03

Duas pessoas morreram na explosão de uma fábrica de fogos de artifício na cidade de Lavras da Mangabeira, cerca de 53 km da cidade de Cajazeiras, Paraíba.

A população da cidade que fica na região Centro Sul cearense, foi pego de supressa na manhã desta segunda-feira (19) com a explosão. 

O dono do depósito, que teve 90% queimado na explosão não resistiu aos ferimentos e morreu nesta tarde no Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza, onde estava hospitalizado.

Um pessoa que passava em frente ao local no momento da explosão também morreu com a consequência dos ferimentos. 

Uma perícia vai avaliar as causas do acidente.

A explosão ocorreu por volta das 10h. Testemunhas relatam que vidraças de casas vizinhas foram destruídas e paredes ficaram rachadas. Os bombeiros vão avaliar se é preciso interditar alguma residência.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, com a  explosão, o prédio da fábrica ficou destruído. O Corpo de Bombeiro também afirma que algumas casas que ficam ao lado do estabelecimento sofreram rachaduras.

DIÁRIO DO SERTÃO com G1 e vídeo WhatsApp

Tags:
PARTICIPE!

VÍDEO: Gerente do Sebrae fala de revolução tecnológica em feira de Cajazeiras e convida empreendedores

PLANOS E METAS

VÍDEO: Cantor explica como pretende administrar o Atlético e declara que o problema do clube é político

CAMPEONATO PARAIBANO 2019

VÍDEO: Após vistoria técnica, representantes da CBF elogiam o estádio Perpetão: “É um dos melhores”

A ARTE DO CORPO

VÍDEO: Bailarino que dá aula de dança em Cajazeiras fala da sua trajetória e de projetos para a cidade