header top bar

string(13) "diario-sertao"

section content

Usuário de drogas inferniza avô por dinheiro e atinge pulmão do idoso com chutes. Vídeo

O idoso disse que sofre ameaças do neto constantemente por causa de dinheiro. O rapaz já enfiou uma banana no olho do avô.

Por

07/10/2015 às 17h50

O idoso João da Silva, conhecido como João do Alho foi até a Delegacia de Polícia de Cajazeiras nesta quarta-feira (07) para registrar uma queixa contra um neto, usuário de drogas, que o agride e toma seu dinheiro, conforme suas informações.

Em conversa com a reportagem da TV Diário do Sertão, João contou que todos os meses dá 300 reais de sua aposentadoria ao neto, mas parece não ser suficiente para sustentar o vício das drogas e o rapaz fica pedindo mais. “Se não der dinheiro apanho. Ele me judia demais dentro de casa. Estou sofrendo”, disse.

O idoso disse que sofre ameaças do neto constantemente. O rapaz já enfiou uma banana no olho do avô e o agrediu com um chute que atingiu o coração e o pulmão de João.

O idoso informou que seu neto já foi flagrado lhe agredindo por dinheiro até dentro do banco, mas ninguém fez nada. Por essa razão, João disse que vai chamar seus colegas do “Terço dos Homens” para realizar um protesto em frente ao Fórum de Cajazeiras. “Quero que ele seja preso. Não aguento mais”, apelou. 

João contou que em sua casa mora a esposa e a filha com problemas mentais, mãe do jovem supostamente agressor. “Não tenho como pagar as contas. Agora ele pegou a caderneta para comprar fiado. Mês passado paguei 650 reais dele. Não posso mais”, disse.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Diversidade em Foco com professor de Português destaca as variações da nossa língua

HERANÇA ARTÍSTICA

VÍDEO: Filho de grande nome da música brasileira agita a Festa do Brega no Cajazeiras Tênis Clube

EM JOÃO PESSOA

VÍDEO E FOTOS: Posse da nova diretoria da API é marcada por repentes, lançamento de livro e emoção

DUPLA CERIMÔNIA

VÍDEO: OAB lança em Cajazeiras as chapas para as eleições da Seccional Paraíba e da Subseção local